Últimas

Após anúncio de trégua, coalizão árabe bombardeia quartel tomado por houthis

A coalizão de países árabes liderada pela Arábia Saudita bombardeou nesta quarta-feira (22) um quartel na cidade de Taiz, no sudoeste do Iêmen, pouco depois do local ser tomado por rebeldes do movimento dos houthis, informaram testemunhas à Agência Efe.

Esse ataque, além de outro lançado contra um depósito de armas perto da capital Sanaa, também controlada pelos houthis, ocorreu depois de a coalizão árabe ter anunciado ontem o fim de suas operações aéreas no Iêmen.

Combatentes houthis e forças militares leais aos rebeldes tomaram nesta madrugada o controle da sede da 35ª Brigada de Blindados, que ainda apoiava o presidente deposto do país, Abdo Rabbo Mansour Hadi.

Moradores de Taiz disseram à Efe que os houthis usaram tanques para atacar o quartel, obrigando as tropas da 35ª Brigada a fugirem do local.

Vários soldados morreram e outros ficaram feridos na ofensiva, apesar de não haver até então um número exato de vítimas.

Os soldados da 35ª Brigada resistiam ao lado de milícias tribais leais a Hadi há dias em Taiz. Na cidade, vários outros quartéis das forças ligadas aos houthis tinham sido bombardeados recentemente pela coalizão.

No sul do Iêmen, em Áden, navios da coalizão atacaram posições dos houthis. Além disso, foram registrados combates entre os rebeldes e as forças leais a Hadi, que estabeleceu a cidade portuária como sua sede antes de fugir para a Arábia Saudita no mês passado.

Já o bombardeio em Sanaa ocorreu às 1h locais (19h de terça-feira em Brasília) e teve como alvo um armazém de mísseis nos arredores da capital, de acordo com testemunhas consultadas pela Efe.

Além de ter anunciado o fim dos bombardeios, o porta-voz da coalizão árabe, Ahmed al Asiri, tinha informado que começaria no Iêmen a chamada operação “Devolução da Esperança” para reconstruir o país e supervisionar o processo de transição.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *