Últimas

Cunhada de Vaccari negocia para se entregar à polícia

Publicidade

Considerada foragida pela polícia, Marice Corrêa de Lima, cunhada do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, deve se entregar nesta sexta-feira (17).

A informação é do delegado federal Igor Romário de Paula. Os advogados de Marice ainda negociam de que forma se dará sua apresentação. Os nomes dos defensores e o paradeiro da investigada não foram divulgados.

Marice tem um mandado de prisão temporária (de cinco dias), emitido na quarta (15). Ela é suspeita de ter recebido dinheiro oriundo de corrupção na Petrobras, e de ter operado, junto com Vaccari, o esquema na estatal.

Uma das evidências contra Marice é que ela comprou um apartamento por R$ 200 mil e o revendeu à construtora OAS, também investigada na Lava Jato, por R$ 400 mil. Segundo o Ministério Público, é uma operação típica de lavagem de dinheiro.

Anteriormente, o delegado havia informado que, na casa de Marice, foram encontradas correspondências que indicam que ela está em viagem há duas semanas. Vaccari disse acreditar que ela esteja no Panamá ou na Costa Rica, mas a PF afirma não ter registro de sua saída do país.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *