Últimas

Dor de cabeça boa para Oswaldo: Palmeiras tem até oito reforços para final

Ao menos por enquanto, Oswaldo de Oliveira só tem notícias boas para a disputa da primeira partida da final do Paulista, entre Palmeiras e Santos, no próximo domingo (26), no Allianz Parque. O comandante pode ter o retorno de até oito jogadores que foram problemas na semifinal contra o Corinthians, quando sua equipe conseguiu a vaga nos pênaltis em pleno estádio alvinegro.

A começar pelos que tinham problemas disciplinares. Leandro Pereira, Vitor Hugo e Victor Luís estão de volta. Suspensos na última rodada, eles já disputaram normalmente o jogo-treino na última terça-feira (21), na Academia de Futebol e reforçam a equipe.

Victor Luís, aliás, retorna justamente para ser uma opção na lateral esquerda, que, no último jogo, teve os improvisados Wellington (zagueiro) e Kelvin (atacante). Sua escalação, no entanto, depende da situação de Zé Roberto.

Depois de ficar uma semana inteira tratando de dores na coxa, o veterano não conseguiu se recuperar. Agora, ele terá mais uma semana e, muito provavelmente, reunirá condições de disputar o jogo no Allianz Parque.

Fernando Tobio é outro titular que retorna. Após assistir a Jackson e Victor Ramos formarem a dupla defensiva diante do Corinthians, o argentino mostrou que está pronto para jogar na disputa do jogo-treino. Restará saber se seu prestígio com Oswaldo de Oliveira continua o mesmo.

Amaral, João Pedro e Cristaldo são reservas que também devem estar em condições. O primeiro já participou dos treinos no início da semana, enquanto que os outros dois fizeram tratamento para as dores que apresentam. Eles podem já participar dos trabalhos com o restante do grupo nesta quarta-feira.

Além disso, Oswaldo soube que Lucas não preocupa. Substituído com dores na costela, o lateral direito não teve lesão detectada e estará normalmente à disposição para enfrentar o Santos. Valdivia, que está recuperando sua melhor condição física, também não reclamou de dores e pode ter sua primeira oportunidade de jogar 90 minutos.

Por fim, o comandante ainda sabe que terá casa cheia na final. Apesar dos altos preços para os ingressos, a venda no primeiro dia pode ser considerada um sucesso com a comercialização de mais de 13 mil entradas só entre os sócio-torcedores. 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *