Últimas

Grupo XIX de Teatro oferece programação cultural grátis até maio

Publicidade

Até maio, o Grupo XIX de Teatro promove uma série de atividades em sua sede, a Vila Maria Zélia.

Serão apresentados quatro espetáculos desenvolvidos pelos núcleos de pesquisa do grupo e seis edições do Domingueira XIX, que contempla peças de repertório, exposição de artes plásticas e música.

A seguir, veja programação completa.

Vila Maria Zélia – Armazém 19 – R. Mário Costa, 13, Belém, região leste, tel. 2081-4647. Estac. grátis.

Patricia Ribeiro/Divulgação
Cena do espetáculo "América Vizinha", do Grupo XIX de Teatro
Cena do espetáculo “América Vizinha”, do Grupo XIX de Teatro

América Vizinha
A peça navega por histórias latinas, passando por personagens como Frida Kahlo.

90 min., 16 anos, sáb. (25/4): 17h. 70 lugares.

*

Foi um Carnaval que Passou
Utilizando o Carnaval como metáfora, a peça fala da impossibilidade de construir novas identidades nos dias de hoje.

60 min., 16 anos, dom.: 20h30. Estreia 26/4. Até 10/5.

*

Quebra Cabeça
No monólogo, memórias e personagens se cruzam num quebra-cabeça esburacado.

60 min., 12 anos, sáb. (9/5): 20h. dom. (10/5): 18h. 54 lugares.

*

Memórias de Cabeceira
Os atores mostram um retrato cênico a partir de memórias de pessoas próximas.

60 min., livre, sáb. e dom.: 20h. dom. (26): 20h30. Até 10/5.

*

Baseado em Fatos Reais
A performance traz um encontro entre música, imagem, vídeo e reflexão filosófica.

80 min., livre, dom. (12): 18h. 90 lugares.

*

Dramaturgias Secretas de uma Vida Sexual Pública
É uma videoinstalação que traça um perfil da vida sexual nos centros urbanos.

20 min., 18 anos, sáb. e dom.: 19h. Até 10/5. 60 lugares.

Domingueira XIX

Com programação diferente a cada mês, o projeto, que estreia em 17/5, inclui mostra de repertório do grupo, exposição de um artista plástico e apresentação musical. Na primeira edição, serão apresentadas as peças
“Hygiene” e “Nada Aconteceu, Tudo Acontece, Tudo Está Acontecendo”.

O show é do cantor mineiro Marcelo Veronez, que faz releitura de cações de Roberto e Erasmo Carlos, e a exposição de fotografias é de André Martins.

Hygiene,* 80 min., livre, dom. (17/5): 15h. Nada Aconteceu, Tudo Acontece, Tudo Está Acontecendo, 120 min., 16 anos, dom. (17/5): 18h. 70 lugares. Exposição André Martins*,
dom. (17/5): 16h30. Não Sou Nenhum Roberto com Marcelo Veronez, 60 min., livre, dom. (17/5): 20h.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *