Macaé permite reação do Minas, mas vence na prorrogação e empata série

Minas Gerais – O Macaé conseguiu uma vitória histórica no Novo Basquete Brasil. Em sua primeira participação no playoff, o time viu o Minas reagir, levar o jogo para a prorrogação, mas contou com o brilho de Jamaal e Márcio Dornelles para vencer por 81 a 80 (10 a 9 no tempo extra), neste domingo, na casa do rival. É o primeiro triunfo do Macaé no mata-mata do NBB. A série melhor de cinco está empatada em 1 a 1. Agora, terá dois jogos em seu ginásio e pode definir a classificação para as quartas de final. O próximo duelo será na quarta-feira, às 19h30.

O primeiro tempo de Macaé foi praticamente impecável. Porém, o time não conseguiu segurar a reação mineira. A vitória quase escapou. Porém, Jamaal surgiu. O armador norte-americano fez oito dos dez pontos do time na prorrogação e foi o cestinha de Macaé, com 23 pontos e aproveitamento de 100% nos lances livres (acertou os 12 que tentou).

Outro herói de Macaé, Márcio Dornelles fez apenas quatro pontos, mas a cesta que garantiu a vitória. Atílio anotou 15 pontos, três a mais do que o norte-americano Young. Eddy contribuiu com 12.

Pelo lado do Minas, Siqueira anotou 26 pontos, sendo o cestinha do jogo e vital na reação do time. Alex anotou 14 pontos, um a mais do que Bruno Irigoyen.

O jogo

O Macaé atropelou o Minas no primeiro tempo. Os donos da casa sofreram ofensivamente e permitiram o rival ir para o intervalo com 20 pontos de frente (35 a 15). Na etapa final, os mineiros enfim se encontraram em quadra. O Minas conseguiu reagir e “voltou” para o jogo. O duelo ganhou em emoção. O Macaé tentava controlar o duelo, mas não deteve os garotos Siqueira e Bruno Irigoyen.

Sob a batuta da garotada, Minas levou o jogo à prorrogação. O Macaé sentiu o golpe e demorou a se acertar no tempo extra. Os donos da casa abriram vantagem. Foi aí que Jamaal colocou a bola debaixo do braço e decidiu. Ele fez oito pontos e deixou o clube do estado do Rio em vantagem. O argentino Cafferata acertou uma bola de três e devolveu a liderança ao Minas. O experiente Márcio Dornelles apareceu no fim e fez uma cesta decisiva a favor de Macaé. Na última posse de bola, Jamaal interceptou o passe e garantiu um histórico triunfo.

Originalmente matéria publicada no Jornal O Dia (http://odia.ig.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *