Últimas

Mudança em codec do YouTube reduz peso dos vídeos na metade

O Google divulgou nesta semana dados sobre a utilização do codec de código aberto VP9 no último ano. Ele substitui o H.264 e, de acordo com a empresa, é capaz de reduzir o peso dos vídeos na metade, melhorando a qualidade de reprodução em países com conexão ruim ou em redes saturadas, como é o caso do Brasil.

O codec comprime um vídeo na menor quantidade de dados possível, sem sacrificar sua qualidade. Segundo a empresa, o VP9 prioriza recursos capazes de deixar a imagem mais nítida, utilizando transformações assimétricas para manter as imagens mais límpidas.

Confira a diferença na reprodução com o H.264 e com o VP9:

H.264
Reprodução 

 VP9
Reprodução 

De acordo com o Google no Brasil, por conta da qualidade da banda larga, muitos usuários do YouTube precisam assistir vídeos em resoluções inferiores a 240p. Graças ao codec, quase 40% dessas pesssoas conseguiram visualizar resoluções superiores ou iguais a 360p sem acréscimo no uso de dados. O YouTube argumenta ainda que o ele pode tornar o streaming de vídeos 4K possível para um número maior de usuários.

O VP9 está sendo desenvolvido desde 2011 e já é suportado pelos navegadores Opera, Firefox, Chrome e dispositivos que rodam o Android.

Via YouTube

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *