Papa lava pés de 12 detentos, entre eles um brasileiro

ROMA, 2 ABR (ANSA) – O papa Francisco visitou hoje (2) a Igreja do Pai Nosso, em Roma, e a prisão de Rebibbia, onde celebrou a tradicional missa da Quinta-Feira Santa, conhecida pelo rito de lava-pés. O líder da Igreja Católica lavou os pés de 12 detentos, sendo seis homens e seis mulheres, entre eles um brasileiro. Os outros presidiários são três nigerianos, uma congolêsa, seis italianos e uma equatoriana.   

Terceiro Papa a visitar o centro de detenções (atrás de João Paulo II em 1983 e Bento XVI em 2011), Francisco cumprimentou um a um os presidiários que o aguardavam.   

O Pontífice deu a mão, abraçou, beijou e disse palavras de encorajamento a eles, acompanhado pelo capelão de Rebibbia, Dom Pier Sandro Spriano, de quem partiu o convite para a visita à prisão.   

Ele também deu sua benção a um cartaz com a foto de um detento chamado Davide que está desaparecido. “Obrigado a todos pela calorosa acolhida. Muito obrigado”, disse Francisco. Mais de 300 pessoas participaram da recepção ao Pontífice, que depois celebrou a missa da Quinta-Feira Santa na Igreja do Pai Nosso.   

A prisão de Rebibbia tem cerca de 2,1 mil detentos, entre eles 350 mulheres. (ANSA) http://www.papafrancesconewsapp.com/por

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.
Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *