Últimas

Atlético-PR vence o Joinville e assume liderança provisória do Brasileirão

O Atlético-PR manteve o bom momento no Campeonato Brasileiro e conseguiu chegar à liderança provisória ao vencer o Joinville fora de casa por 2 a 1. Com o resultado desta noite, o time paranaense soma nove pontos, ultrapassando a Ponte Preta, que tem oito. O time pode ser superado por Sport, Goiás, Corinthians e São Paulo no complemento da quarta rodada.

O Joinville, por sua vez, continua sem vencer no Brasileirão. A equipe, que retornou à Série A depois de 28 anos, é a última colocada, com apenas um ponto. O time, ao menos, conseguiu encerrar o jejum de gols ao marcar o primeiro gol no campeonato. A terceira derrota ocorreu no retorno do público à Arena Joinville — contra o Palmeiras, na segunda rodada, a torcida não pôde assistir à partida. 

No jogo deste sábado, o Atlético-PR contou com uma falha do volante Renato. Ainda no primeiro tempo, o volante errou ao tentar sair jogando e perdeu a bola para Nikão, que tocou na saída do goleiro e abriu o placar. Embalado, o time paranaense ampliou logo depois, com Douglas Coutinho. Na etapa final, o Joinville esboçou uma reação, com Rafael Costa, que marcou o único gol do time catarinense na partida.

FICHA TÉCNICA

JOINVILLE 1 X 2 ATLÉTICO-PR

Local: Arena Joinville, em Joinville (SC) 

Data: 30 de maio de 2015, sábado

Horário: 21h (de Brasília) 

Árbitro: Avelar Rodrigo da Silva (CE) 

Assistentes: Nailton Júnior de Sousa Oliveira e Arnaldo Rodrigues de Souza (ambos do CE)

Cartões amarelos: Nikão, Hernani, Ytalo e Natanael (Atlético-PR)

Gols: Nikão, aos 29, Douglas Coutinho, aos 32 minutos do primeiro tempo; Rafael Costa, aos 19 minutos do segundo tempo.

JOINVILLE:  Oliveira; Sueliton, Bruno Aguiar, Guti e Héracles; Naldo (Rafael Costa), Anselmo, Renato e Marcelinho Paraíba (Miltinho); Tiago Luís (Ítalo) e Jael. Técnico: Hemerson Maria

ATLÉTICO-PR:  Weverton; Eduardo, Gustavo, Kadu e Natanael; Hernani, Otávio, Nikão (Ytalo) e Geovane (Jadson); Douglas Coutinho e Cléo. Técnico: Milton Mendes

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *