Últimas

Com apenas um rival, Blatter deve ser reeleito presidente da Fifa nesta sexta

Publicidade

O presidente Joseph Blatter deve ser reeleito para mais quatro anos nesta sexta (29), com a ampla maioria dos votos das 209 federações filiadas à Fifa.

Ele tem como rival apenas o príncipe da Jordânia e vice-presidente da entidade, Ali bin Al-Hussein.

Pela regra, na primeira votação, vence quem atingir dois terços do votos. Caso contrário, ocorre uma nova rodada, bastando maioria simples para que um candidato seja eleito.

A expectativa é que Blatter ganhe já no primeiro turno. O suíço tem o apoio declarado das confederações sul-americana, asiática, africana e das Américas Central e do Norte.

65º Congresso da Fifa

O príncipe da Jordânia tem o apoio oficial apenas da Uefa, que dirige o futebol europeu, com 54 membros filiados à Fifa –pelo menos 45 teriam fechado apoio a ele. O príncipe aposta ainda que pode conquistar mais 60 votos de fora da Europa, estimativa considerada alta pelos cartolas em Zurique.

Único candidato a enfrentar Blatter, o príncipe da Jordânia tem 39 anos, é vice-presidente da Fifa desde 2011 e filho do terceiro casamento do falecido rei Hussein.

Virou cartola em 1999, como presidente da Associação Jordaniana de Futebol. Desde então, passou a ter influência no futebol, sobretudo na “West Asian Football Federation”, uma espécie de federação do Oeste Asiático.

Uma de suas bandeiras recentes foi a defesa da publicação do relatório do promotor americano Michael Garcia sobre o suposto esquema de corrupção no processo de escolha das sedes das Copas de 2018 (Rússia) e 2022 (Qatar).

Paul Ellis – 8.set.2014/AFP
Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia, durante evento em Manchester
Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia, durante evento em Manchester

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *