Últimas

Famosos se despedem de B.B. King nas redes sociais

O mundo perdeu, na madrugada desta sexta-feira (15), uma das grandes vozes da indústria fonográfica.

Segundo Brent Bryson, empresário do músico, B.B King, conhecido como o Rei do Blues, ele morreu dormindo em sua casa em Las Vegas, nos Estados Unidos, em decorrência das complicações do diabetes tipo 2, doença com a qual convivia há mais de 20 anos.

No início de abril, o músico foi internado com um quadro de desidratação por causa da diabetes, mas usou suas redes sociais para acalmar os fãs e afirmou que já estava “muito melhor”. Porém, há poucos dias ele voltou a ser hospitalizado e veio a falecer.

Em 2014, B.B King já havia dado sinais de problemas de saúde ao ser obrigado a cancelar shows de sua turnê, após passar mal em uma apresentação que realizava em Chicago, nossa EUA.

Lenny Kravitz  foi um dos primeiros artistas a prestar uma homenagem ao grande ícone e lamentou a morte de King no Instagram.

“Qualquer um poderia tocar milhares de notas e nunca dizer o que você dizia em uma”.

Bryan Adams, através do Twitter, também prestou uma singela homenagem.

“RIP BB King, um dos melhores guitarristas de blues de todos os tempos, talvez o melhor. Ele poderia fazer uma nota a mais melhor do que ninguém. Respeito”.

Ed Motta foi um dos primeiros brasileiros a publicar o adeus ao grande mestre do blues.

“B.B. King, Deus te abençoou, mestre”.

Trajetória

B.B King, batizado como Riley Bem King, nasceu em 16 de setembro de 1925 em Berclair, no Mississippi, Estados Unidos. As letras BB no nome artístico significavam Blues Boy.

Gravou hits como Lucile, Sweet Black Angel e Rock Me Baby. Certa vez, a revista Rolling Stone classificou B.B. King como o terceiro dentre os cem melhores guitarristas de todos os tempos, atrás apenas de Jimi Hendrix e de Duane Allman. 

Com 16 prêmios Grammy, 50 discos e quase 60 anos de carreira, e hits como  The Thrill is Gone e How Blue Can You Get, o primeiro contato do músico com o blues foi aos 9 anos, quando sua mãe faleceu.  King teve que se tornar o homem da casa e usou dessa triste experiência como inspiração para a carreira musical.

Sua primeira grande oportunidade foi em 1948, quando conseguiu mostrar seu talento em um programa de rádio de Sonny Boy Williamson, em Memphis. A partir desse dia, B.B. King conseguiu participações fixas no Grill da Sixteenth Avenue, que depois fez com que ele conseguisse um espaço publicitário de 10 minutos na rádio WDIA, com uma equipe totalmente integrada por negros.

Com a fama aumentando, o músico precisava de um nome comercial para a indústria radiofônica, foi quando recebeu o apelido de Beale Blue Boy, que trazia uma referência à música Beale Street Blues. Em seguida, o nome foi abreviado para Blues Boy King, que eventualmente se tornou B.B. King.

Em 1951, King se lançou para o mundo com o hit Three O’CLock Blues e as turnês nacionais começaram, atingindo cerca de 257 shows por ano. Já em 1956, o músico e sua banda realizaram 342 shows e em pouco tempo B.B. se tornou o principal nome do blues, reconhecido ao redor do mundo.

Sua genialidade na música foi inspiração para grandes ídolos, como Jimi Hendrix, Eric Clapton, George Harrison e Johnny Winter.

Em 1966, B.B. King realizou uma turnê pela América Latina e passou por países como Brasil, México, Argentina, Chile, Uruguai e, pela primeira vez, no Peru e Paraguai.

Reconhecido por seu papel e legado dentro da música, King chegou a receber em 16 de dezembro de 2006 a Medalha Presidencial da Liberdade das mãos do ex-Presidente americano George W. Bush.

O último show realizado no Brasil foi  em 2012, em São Paulo, e antes havia se apresentado no Rio de Janeiro e em Curitiba.

King se casou duas vezes. Martha Lee Denton foi sua primeira mulher, com quem manteve um relacionamento entre 1846 e 1952, e depois veio Sua Carol Hall, com quem ficou de 1958 a 1966. O músico deixou 14 filhos e mais de 50 netos. 

Morre B.B. King, o rei do blues, aos 89 anos
Morre Percy Sledge, cantor de When a Man Loves a Woman, nos Estados Unidos
Disco com clássicos de Paul McCartney na voz de grandes artistas da música é lançado
B.B. King é hospitalizado às pressas, nos Estados Unidos

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *