Últimas

Fifa decide manter América do Sul em repescagem por quinta vaga na Copa

Publicidade

A Fifa decidiu neste sábado (30) manter o atual formato de classificação para a Copa do Mundo que permite à América do Sul disputar uma quinta vaga por repescagem, além das quatro já garantidas.

O comitê executivo fez uma reunião extraordinária na sede da entidade, em Zurique, para discutir o tema, relacionado às Copas de 2018 (Rússia) e 2022 (Qatar).

Foi a primeira decisão importante da entidade depois da reeleição do presidente Joseph Blatter na sexta-feira (29), em meio ao escândalo da prisão de sete cartolas em Zurique na última quarta-feira (27), entre eles o ex-presidente da CBF José Maria Marin.

A mudança nas regras era uma antiga reivindicação desses outros três continentes e da Europa, que consideram desproporcional o espaço dado aos sul-americanos.

O resultado da reunião é, politicamente, uma derrota para o presidente da Uefa, Michel Platini, adversário de Blatter e que articulava a alteração na distribuição das vagas.

A América do Sul tem hoje quatro seleções garantidas no mundial e indica uma outra para brigar com Oceania, Ásia ou América Central por duas vagas restantes.

A Conmebol tem dez filiados, enquanto os asiáticos, por exemplo, possuem o mesmo número de seleções na Copa (além da briga pela repescagem), mas com 47 membros ligados à Fifa.

Membro do comitê executivo da Fifa, o presidente da CBF, Marco Polo del Nero, não participou da reunião deste sábado.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *