Últimas

Flamengo inicia negociações para repatriar Paulinho, ex-Corinthians

Publicidade

A paciência da diretoria do Flamengo com o volante Elias do Corinthians parece estar acabando. Após se acertar com o clube paulista, o rubro-negro aguarda apenas o “sim” do jogador, que não está querendo deixar São Paulo, a pedido da família.

Com isso, paralelamente a diretoria da Gávea já abriu negociações com volante Paulinho, que está no Tottenham. O jogador, que não vem sendo aproveitado, viria por empréstimo, com parte dos vencimentos sendo pagos pelo clube inglês.

O retorno ao Brasil é visto com bons olhos pela diretoria do clube da terra da rainha, que acredita que o empréstimo ajude o volante a recuperar o bom futebol dos tempos em que jogava no clube paulista.

Segundo fontes ligadas ao Flamengo o volante Elias tem apenas alguns dias para definir seu futuro. Caso contrário a diretoria carioca pode desistir do negócio.

CAMISA DEZ

A falta de um camisa dez na Gávea está com dias contatos. O meia Juan Quintero está em fase final de negociações com o Flamengo, restando poucos detalhes para assinar o contrato.

Aos 22 anos, o canhoto é visto como o meia ideal pela diretoria carioca. O atleta, que está no Porto, deve chegar por empréstimo de, pelo menos, um ano.

Quintero surgiu no Envigado, em 2007, e foi contratado pelo Atlético Nacional em 2012, ambos clubes colombianos. Após a temporada bem-sucedida, transferiu-se para o Pescara, da Itália, e foi comprado em 2013 pelo Porto.

A negociação começou há meses e chegou a esfriar após o suposto interesse do Arsenal, da Inglaterra. Oficialmente, a diretoria do rubro-negro nega que esteja negociando com o jogador, mas fontes do clube garantem que se trata de uma estratégia para evitar problemas até que o contrato seja assinado.

Para manter a política de austeridade, o clube da Gávea está encaminhando a venda do zagueiro Samir para o Udinese da Itália. O rubro-negro deve lucrar cerca de R$ 7 milhões com a negociação.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *