Últimas

Marinha italiana recupera 2 corpos em balsa carregada de imigrantes

Roma, 3 mai (EFE).- A marinha italiana confirmou neste domingo a morte de dois imigrantes que viajavam a bordo de uma balsa no Mediterrâneo, apesar da imprensa ter elevado o número de mortos para uma dezena, notificados em várias operações de socorro.

A marinha confirmou em seu perfil no Twitter o falecimento de dois imigrantes, comprovado pela equipe de saúde da embarcação Borsini.

De acordo com a imprensa, três corpos foram achados em uma embarcação assistida pelo mercante “Prince 1”, em que viajavam 105 imigrantes vindos do litoral da Líbia.

Outros quatro foram achados em outra embarcação carregada com 73 imigrantes, e entre eles duas pessoas apresentavam condições de saúde “gravíssimas”.

Também três imigrantes morreram após pularem da balsa em que viajavam para tentar alcançar a embarcação que os socorria e seus corpos já foram recuperados pelos tripulantes do rebocador.

Participaram do trabalho de socorro a Capitania dos Portos, a Marinha italiana e várias embarcações civis.

As autoridades marítimas socorreram neste domingo 16 embarcações que solicitaram ajuda, e quatro delas já foram evacuadas.

A Guarda Costeira informou hoje que, somente sábado, foram resgatados no Mediterrâneo 3.690 imigrantes em 17 operações diferentes.

A Itália continua a receber ondas de imigrantes vindos da África devido a sua posição geográfica, ponte entre este continente e a Europa, para onde estas pessoas fogem dos conflitos.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *