Últimas

Meizu MX4 Pro seria descontinuado por causa do chipset da Samsung

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Meizu MX4 Por pode ser descontinuado em breve por causa de conflitos envolvendo o chipset da Samsung e um acordo recente feito pela companhia chinesa. Caso esta informação realmente seja verídica, a empresa asiática estaria se envolvendo em uma grande polêmica, já que o smartphone em questão não possui nem um ano de disponibilidade no segmento de telefonia móvel. Tal prática causaria impacto fortemente negativo aos usuários que já adquiriram uma unidade do aparelho, pois o modelo perderia uma quantidade considerável de valor de mercado.

A possibilidade preocupante foi levantada depois da Meizu usar sua conta oficial no Facebook para responder a um comentário realizado por um de seus clientes, onde explica o motivo da demora para as entregas dos exemplares do MX4 Pro serem entregues aos consumidores que fizeram reserva. De acordo com a publicação, o motivo do modelo estar tomando um longo tempo para ser enviado é justamente o término dos processos de produção imposto pela marca oriental. Desta forma, em breve o produto só estará disponível em estoque.

Queridos seguidores, os pedidos do MX4 Pro que se referem ao prazo que estabelecemos anteriormente estão atrasados. Desculpamo-nos por deixar os consumidores esperando. O atraso é causado por que a fabricação do MX4 Por está para ser terminada. Portanto o último lote entrou em produção, resultando na demora da entrega. Hoje o produto está em fase de montagem. Depois do apuramento dos aparelhos, seus transportes serão iniciados. Esse processo é apenas para quem não adquiriu a edição limitada em pré-venda — diz a Meizu em seu perfil na rede social.

A causa para o dispositivo sair de linha pode ser resultado do acordo entre a Meizu e a MediaTek, considerando que a fabricante chinesa de chipsets investiu milhões na nova sócia. Essa ação pode ter colocado o processador do MX4 Pro em conflito, já que o mesmo é produzido pela Samsung, pertencendo à linha Exynos. Então, acredita-se que uma das cláusulas do contrato entre ambas as asiáticas seja a culpada pelo fim da produção do recente smartphone, requisitando exclusividade às partes internas da série MT, provavelmente.

MX4 Pro, como possui apenas meio ano de ‘vida’, ainda é um celular bem competente, contando com tela de 5.5″ em resolução Quad HD (546 pixels por polegada), 3 GB de RAM, processador Exynos 5430 com quatro núcleos ARM cortex-A15 2.0 GHz + 4 ARM cortex-A7 1.5 GHz, GPU Mali T628 MP6 rodando a 600MHz, modelos de 16, 32 e 64 GB de memória para o armazenamento interno, câmera principal e frontal de 20.7 (Sony IMX220) e 5 megapixels, respectivamente, versões na cor preta, branca e dourada, bateria de 3350 mAh e Android 4.4 KitKat com a modificação Flyme 4. Vamos aguardar por um comunicado oficial da Meizu sobre o assunto.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *