Últimas

Pato se diz surpreso por reserva e não repensa declaração polêmica

O atacante Alexandre Pato marcou um gol e deu uma assistência na vitória do São Paulo por 3 a 0 sobre o Joinville, neste sábado (23), no Morumbi, pelo Brasileirão. E fez tudo isso atuando apenas 45 minutos. Ele começou no banco de reservas, com Luis Fabiano entre os titulares. Depois da partida, ele falou sobre a ausência entre os titulares.

“Também fiquei surpreso. Treinamos juntos, achei que fosse jogar com Luis. Mas quem tem que dar explicações sobre quem joga é o professor”, disse, à Rádio CBN.

Antes da eliminação do São Paulo na Copa Libertadores, Pato, em boa fase, foi poupado do jogo contra o Flamengo, estreia pelo Brasileirão. Ao entrar na partida, criou a jogada de um gol e marcou outro. Saiu de campo dizendo que, em 2015, não aceitaria ser reserva.

A declaração irritou Luis Fabiano que, depois da queda contra o Cruzeiro, disse que teve de aturar uma declaração do companheiro em momento errado. Questionado neste sábado após mais uma boa atuação se repensa o que disse naquele momento, Pato afirmou que não muda nada.

“Não, acho que continuo, sim. Vou lutar para jogar, é meu objetivo, estou aqui para fazer meu trabalho. Vou cumprir meu contrato aqui no São Paulo e depois não sei o que vai acontecer”, disse, quando questionado sobre o tema.

Quando marcou o terceiro gol do São Paulo no jogo, Pato tirou a camisa e recebeu o cartão amarelo. Depois da partida, comentou: “Estava engasgado”.

Ainda no jogo, Luis Fabiano começou como titular e foi o principal alvo de protestos da torcida. Chamado de “Luis pipoqueiro”, ele deixou o campo no intervalo após 45 minutos sem brilho. 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *