Últimas

Renovação do acordo automotivo está próximo, diz ministro argentino

Publicidade

Representantes do Brasil e da Argentina informaram nesta sexta (29) que arenovação do acordo automotivo, que vence no próximo dia 30 de junho, está próxima.

A negociação permite que veículos fabricados com mais de 60% de peças feitas no Mercosul possam transitar entre os dois países sem pagar imposto de importação.

“É a segunda reunião que tivemos, com avanços substanciais, e obviamente estamos próximos [do acordo], porque os dois governos têm mais entendimentos do que diferenças”, afirmou o ministro da economia argentino, Axel Kicillof, sem acrescentar detalhes.

De zero a dez, o ministro brincou que o status do acordo estaria em 14.

Ele se reuniu nesta sexta (29) com os ministros brasileiros Mauro Vieira (Relações Exteriores) e Armando Monteiro (Desenvolvimento), além do chanceler argentino Héctor Timerman.

UNIÃO EUROPEIA

Outro assunto tratado pelos representantes dos dois países foi a negociação para ampliar o comércio entre Mercosul e União Europeia.

Segundo Timerman, os países do Mercosul combinaram apresentar uma proposta comum ao bloco europeu.

Na semana passada, em visita ao Brasil, o presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, havia sugerido que os países negociassem em duas velocidades, uma vez que aparentemente a Argentina teria menos disposição
de dialogar neste momento.

“A posição de todo o Mercosul é de avançar de forma conjunta, com uma só oferta e com uma só velocidade”, afirmou.

No próximo dia 10 de junho, os presidentes do Mercosul deverão participar de uma reunião entre Celac (Comissão dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos) e União Europeia, na Bélgica, e as negociações entre
Mercosul e União Europeia voltará ao centro do debate.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *