Últimas

Apple Watch está atraindo mais devs do que primeiros iPhones e iPads, diz Tim Cook

Da Redação do site Tudocelular.com.br

De nada adianta criar um sistema operacional excelente, mas não oferecer grande variedade de aplicativos aos usuários. Para isso, Apple se esforçou de modo admirável para atrair programadores ao seu primeiro relógio inteligente, criando palestras gratuitas e uma vasta coletânea de informações iniciais do que é preciso para começar a criar aplicações que suportam o pequeno aparelho com a maçã estampada. O resultado não poderia ser melhor para a gigante de Cupertino, revelando maior interesse pelo gadget vestível do em relação ao iPhone e iPad em períodos similares de existência.

Desenvolvedores estão trabalhando em mais de 3.500 aplicativos para o gadget [Apple Watch]. Isso está muito acima das 500 aplicações para a edição de 2008 do iPhone e 1.000 presentes no primeiro iPad em 2010 — diz Tim Cook em uma entrevista cedida à coluna Businessweek da Bloomberg. Nota-se a enorme divergência entre as plataformas, refletindo em uma popularidade incrivelmente superior apresentada pelo eletrônico de pulso primordial da empresa cofundada por Steve Jobs e Wozniak. E o cenário ficou ainda melhor após a Worldwide Developers Congress (WWDC) deste ano.

No evento destinado aos profissionais que pretendem ou já trabalham com os sistemas operacionais da Apple, realizado mais cedo neste mês de junho, Watch foi um dos tópicos principais na apresentação mais importante da conferência, onde o Watch OS deu as caras para amenizar a dependência experienciada entre o wearable e o smartphone e tablet da Maçã. Com o kit de desenvolvimento específico para o ambiente virtual diminuto, os interessados terão maior liberdade na hora de criarem seus aplicativos, impulsionando ainda mais a popularidade do software oriundo do iOS.

Tim Cook ainda adicionou que a cor dourada em iPhones, iPads, Macbooks e no próprio Apple Watch teve como objetivo agradar aos clientes da China, local onde a pintura semelhante ao tom encontrado no ouro é considerada preferencial. Voltando ao assunto wearable, ainda nesta segunda-feira, noticiamos a possibilidade do crescimento em até 173% mercado de gadgets vestíveis, impulsionado principalmente pela nova criação da Maçã e o Hololens, da Microsoft. Seja como for, os próximos anos serão cruciais para os acessórios espertos como conhecemos hoje.

Se curtiu, compartilhe!

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *