Últimas

Caso Jaime Gold: novo depoimento inocenta primeiro menor apreendido

Rio – Após uma hora e meia de audiência realizada na tarde desta segunda-feira no Fórum Regional da Leopoldina, em Olaria, na Zona Norte, a defesa do primeiro menor apreendido por suspeita de envolvimento na morte do médico Jaime Gold, no dia 19 de maio, afirmou que os novos depoimentos inocentam seu cliente. Segundo o advogado Alberto Junior, “a verdade está vindo à tona e as contradições se elucidando”. 

Leia mais:


Menor diz que ficou com dinheiro e queimou bicicleta de médico morto


‘Pode ter ocorrido engano’, afirma Pezão sobre investigação do caso Jaime Gold

Durante a audiência, apenas os outros dois adolescentes que foram apreendidos posteriormente deram declarações. Não houve acareação. De acordo com Alberto Junior, que representa o primeiro menor, o depoimento do segundo adolescente confirma a versão de seu cliente, que negou desde o início sua participação no crime.


Mãe do primeiro menor apreendido acusado do crime diz que não confiava no filho porque ele mentia muito: garoto teria esfaqueado médico

Foto:  Daniel Castelo Branco / Agência O Dia

“O depoimento do segundo menor corrobora com a versão de que o primeiro é inocente e não estava no local do crime. A declaração dele só mostra o que o meu cliente tinha falado. Nosso cliente é inocente. Está muito claro que ele estava jogando videogame na casa de um amigo em Manguinhos. E segue o baile”, declarou Alberto Junior.

A defesa também afirmou que “ainda é prematuro para entrar com pedido de indenização contra o Estado”. Além disso, ele adiantou que se reunirá com os outros advogados que representam o menor para decidirem sobre o pedido de habeas corpus para o adolescente.

No próximo dia 17, haverá audiencia de instrução para a produção de provas. Os três menores estarão presentes, mas não vão depor. 

Participaram da audiência desta segunda-feira os defensores públicos do segundo e terceiro menores. Todos os três adolescentes estão internados em unidade do Degase. 

Originalmente matéria publicada no Jornal O Dia (http://odia.ig.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *