Últimas

Paraguai vence a Jamaica com gol bizarro e assume a liderança do grupo B

Chile – Foi difícil e com direito a gol bizarro, mas o Paraguai conseguiu voltar a vencer na Copa América após nove jogos sem triunfo. Com a colaboração do goleiro Kerr, os Paraguaios bateram a Jamaica por 1 a 0, marcado por Edgar Benítez, e assumiram a liderança do grupo B da competição. A equipe Sul-americana não teve boa atuação e precisou se aproveitar das falhas defensivas dos caribenhos para sair com a vitória.


Edgar Benítez contou com uma grande colaboração do goleiro Kerr para marcar o gol da vitória

Foto:  Efe

Com o triunfo, o Paraguai fica com quatro pontos e boas chances de conseguir se classificar para a próxima fase da Copa América pelo grupo B. A equipe Sul-americana volta a campo no próximo sábado e enfrenta o Uruguai, às 16h (horário de Brasília). Já a Jamaica com duas derrotas dá adeus a competição. Também no sábado, os caribenhos apenas cumprem tabela contra a Argentina, às 18h30 (horário de Brasília).

O JOGO

A partida entre Paraguai e Jamaica começou bem animada. Antes do três minutos de jogo, ambas as equipes já tinham chegado bem no ataque. No melhor deles, Roque Santa Cruz subiu sozinho, mas cabeceou fraco ao gol. Chegando com força pelos lados do campo, a equipe caribenha levava perigo principalmente nas bolas paradas, mas sempre sendo cortadas pela defesa sul-americana, que tentava agredir nos contra-ataques.

Após um bom início de partida, ambos os times caíram e muito de produção, e a qualidade do jogo também. Antes dominante, a Jamaica começou a dar espaço na defesa e cometer sucessivas, porém, não aproveitadas pelos Paraguaios. A melhor chegada foi aos 20, com Bobadilla, que pegou a sobra de bola e finalizou muito perto do gol de Kerr.


LEIA MAIS: Confira notícias e resultados da Copa América

Mais organizado e se lançando ao ataque, o Paraguai começou a criar chances uma atrás da outra. Aos 32, Roque Santa Cruz, na entrada da área, aparou o cruzamento e chutou com jeito para ótima defesa do goleiro jamaicano. De tanto insistir, os sul-americanos conseguiram o seu gol, mas de forma bizarra. Após lançamento de Cáceres, o arqueiro Kerr tentou afastar de cabeça, mas mandou em cima de Benítez, onde a bola resvalou no joelho do paraguaio, encobriu o caribenho e morreu lentamente no fundo das redes.


FOTOGALERIA: Paraguai derrota a Jamaica e fica em boa situação

A vantagem no placar trouxe tranquilidade para o Paraguai passar a mandar de vez no jogo. Na volta para o segundo tempo, a equipe sul-americana manteve a carga no ataque e logo aos 2 chegou a ampliar o placar, mas não foi validado. Cáceres aparou o passe de cabeça de Aguilar, mas o volante do Flamengo já estava impedido. E não foi a única chance do paraguaio, que chegou novamente aos 6, driblando dois marcadores e chutando para ótima defesa de Kerr.


VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação da Copa América

Com o jogo na mão, o Paraguai chegava com facilidade ao ataque. Aos 14, Samudio chegou tabelando com Bobadilla e finalizou bonito a bola na trave. Melhor jogador em campo, Cáceres ainda chegou a dar um susto na torcida paraguaia e do Flamengo após levar dura entrada e sair mancando, mas se recuperou e voltou para o jogo.

Acuada em campo, a Jamaica não conseguia chegar a frente e apenas se defendia. Porém, em um das raras subidas ao ataque, a equipe caribenha chegou assustando com uma pancada de longe de McCleary que saiu rente a trave de Antony Silva. No fim do jogo, os jamaicanos ainda esboçaram uma pressão, mas não conseguiram evitar o primeiro triunfo do Paraguai na Copa América após nove jogos de jejum.

FICHA TÉCNICA

PARAGUAI 1×0 JAMAICA

Estádio:
Regional Calvo y Bascuñán
Árbitro:
Carlos Vera Rodríguez (EQU)
Gols:
Edgar Benítez (Paraguai, aos 36′ do 1ºT)
Cartões Amarelo:
Rudy Austin, Wes Morgan (Jamaica) e Bruno Valdez (Paraguai)
Cartões Vermelho: –

PARAGUAI:
Antony Silva, Bruno Valdez, Paulo da Silva, Pablo Aguilar e Samudio (Iván Piris, aos 31′ do 2ºT); Víctor Cáceres, Ortigoza, Derlis González, Edgar Benítez (Molinas, aos 40′ do 2ºT); Roque Santa Cruz e Raúl Bobadilla (Haedo Valdez, aos 29′ do 2ºT). Técnico: Ramón Díaz.

JAMAICA:
Duwayne Kerr, Mariappa, Michael Hector, Wes Morgan e Kemar Lawrence; Rudy Austin, McAnuff, McCleary, Je-Vaughn Watson (Lance Laing, aos 11′ do 2ºT) e Dawkins (Mattocks, aos 30′ do 2ºT); Giles Barnes (Deshorn Brown, aos 16′ do 2ºT). Técnico: Winfried Schäfer

Confira os lances da vitória do Paraguai sobre a Jamaica

Originalmente matéria publicada no Jornal O Dia (http://odia.ig.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *