Últimas

Protesto por reajuste do Judiciário bloqueia trânsito no DF

  • Marcelo Camargo/Agência Brasil

    16.jun.2015 - Servidores do judiciário realizam protesto em frente ao STF (Supremo Tribunal Federal) no horário da posse do ministro Luiz Edson Fachin, como atividade de greve iniciada na semana passada. O ato foi convocado pela Fenajufe (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público)

    16.jun.2015 – Servidores do judiciário realizam protesto em frente ao STF (Supremo Tribunal Federal) no horário da posse do ministro Luiz Edson Fachin, como atividade de greve iniciada na semana passada. O ato foi convocado pela Fenajufe (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público)

Um grupo de aproximadamente 200 pessoas faz, na tarde desta quarta-feira, 17, uma manifestação em frente ao Palácio do Planalto, interrompendo o trânsito no local. Eles pedem reajuste salarial e plano de carreira para os servidores do Judiciário, reclamam dos juros altos e do ajuste fiscal. Em uma das várias faixas carregadas pelos manifestantes, há os seguintes dizeres: “Pedalar no orçamento do Judiciário é crime! Fora Dilma”. Em outra faixa está escrito: “Dilma, servidores do Judiciário exigem respeito”. A presidente Dilma Rousseff está no Palácio.

A Polícia Militar faz um cordão de isolamento em frente ao Palácio. Com fogos de artifício, cornetas e um sistema de som, os manifestantes promete que não vão sair do local. De vez em quando, entoam gritos como “Servidores na rua; Dilma a culpa é sua” e “Se você quer fazer ajuste fiscal, corte seus ministérios”.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *