Últimas

Servidores do Judiciário Federal deflagram greve a partir desta quarta-feira

Os servidores do Judiciário Federal deflagrarão greve por tempo indeterminado a partir desta quarta-feira (17) pela aprovação do PLC 28/2015, que recompõe as perdas salariais de nove anos da categoria. A concentração ocorrerá em frente ao prédio das Varas do Trabalho, na Avenida da Paz, a partir das 9 horas.

A greve faz parte da mobilização nacional dos servidores do Judiciário Federal pela aprovação do PLC 28/2015 que deveria ter sido aprovado no Senado no dia 10 junho, mas foi adiado pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, que alegou a falta da conclusão da negociação entre o governo federal e o Supremo Tribunal Federal quanto à disponibilidade orçamentária.

Os servidores do Judiciário Federal estão com os salários defasados há nove anos, acumulando uma inflação de mais de 60%. Nas greves de 48 horas e 72 horas, os servidores da Justiça Eleitoral, da Justiça do Trabalho e da Justiça Federal aderiram ao movimento paredista nacional e decidiram pela greve por tempo indeterminado para pressionar o governo federal e o Supremo Tribunal Federal a fechar um acordo que garanta a aprovação do PLC 28/2015 com disponibilidade orçamentária.

O Sindjus/AL (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e do MPU em Alagoas) já encaminhou as administrações dos tribunais os expedientes sobre a deflagração da greve com a garantia do percentual mínimo de 30% do contingente dos servidores para a prestação dos serviços indispensáveis à sociedade, a serem definidos em comum acordo com a direção dos tribunais, sem prejuízo de, em situações excepcionais, de haver negociação revisional do referido percentual.

Por: 7segundos

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *