Últimas

Tom de superação da crise marca abertura de feira de petróleo em Macaé

Macaé (RJ) – O tom de otimismo e superação marcou a abertura da oitava edição da Brasil Offshore – Feira e Conferência Internacional da Indústria de Petróleo e Gás começou, nesta terça-feira (23), em Macaé. O prefeito Aluízio dos Santos Júnior, o Dr. Aluízio, ressaltou que apesar de toda a pressão que o mercado vive hoje, é necessário continuar trabalhando e investindo.

A terceira maior feira de petróleo e gás do mundo é realizada no Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho, em Macaé, e prossegue até sexta-feira (26). A expectativa é que 53 mil pessoas participem do evento. “O mercado mundial está sob pressão. E como conviver nesse cenário: superando, trabalhando e investindo. O petróleo é responsável por 12% do PIB nacional e 30% do PIB do Estado do Rio. Essa não é só a feira do networking e, sim, a feira da boa informação, da superação. Vamos deixar a crise um pouco de lado e valorizar o Brasil que constrói a indústria do petróleo”, pontuou Dr. Aluízio.

O gerente geral da Petrobras Unidade de Operações da Bacia de Campos, Marcelo Batalha, representou a Petrobras e destacou que é um privilégio participar da Brasil Offshore. “Esse é um evento muito importante para o cenário de óleo e gás. Macaé e a Petrobras são parceiras históricas de grandes desafios. É um privilégio fazer parte da equipe que faz a conferência, na qual vamos discutir a revitalização de campos maduros”, informou.

O secretário geral do Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP) disse que a Brasil Offshore é o momento e o lugar adequados para os contatos de negócios. “Este é o momento para desenvolver o relacionamento e os negócios. Outro fato importante é o conhecimento e o lado técnico que a feira e a conferência representam. O local também não poderia ser melhor, pois além da beleza natural, Macaé é a capital da indústria do petróleo no Brasil. Esse é o momento de defendermos nossa indústria, de estarmos juntos, independente de credos e partidos. O IBP convoca todos vocês para esse momento na defesa da nossa indústria do petróleo”, afirmou Milton Costa Filho.

O vice-presidente da Reed Exhibitions Alcantara Machado, que organiza o evento, destacou que 98% dos espaços da feira foram vendidos. “Não podemos reclamar. Isso reforça a qualidade da exposição e dos produtos, todas as marcas que estão aqui acreditam no evento. Também é fundamental ter parceiros. Sem a dedicação da prefeitura, com a organização e todos os investimentos em infraestrutura, esse evento não seria possível”, disse Paulo Otávio de Almeida.

A cerimônia de abertura contou com a presença do secretário de estado de Agricultura, Christino Áureo; do presidente da Associação Brasileira das Empresas de Serviço de Petróleo (ABESPetro), Paulo Cesar Martins e da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip), Elói Fernández e Fernández; do secretário geral do Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), Milton Costa Filho; do presidente da Sociedade de Engenheiros de Petróleo (SPE), Guilherme de Castro e do diretor da Brasil Offshore, Igor Tavares.

Originalmente matéria publicada no Jornal O Dia (http://odia.ig.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *