Últimas

Cade investiga bancos por suposta manipulação do câmbio em cartel

Publicidade

O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) abriu nesta quinta-feira um processo administrativo para investigar um suposto cartel formado por instituições financeiras com o objetivo de manipular a taxa de câmbio no país.

As empresas investigadas no processo são Banco Standard de Investimentos, Banco Tokyo-Mitsubishi UFJ, Barclays, Citigroup, Credit Suisse, Deutsche Bank, HSBC, JP Morgan Chase, Merril Lynch, Morgan Stanley, Nomura, Royal Bank of Canada, Royal Bank of Scotland, Standard Chartered e UBS, além de trinta pessoas físicas.

Segundo a superintendência-geral do Cade, existem “fortes indícios de práticas anticompetitivas” de fixação de preços e condições comerciais entre as instituições financeiras concorrentes. As condutas teriam durado, pelo menos, de 2007 a 2013.

“Segundo as evidências, os representados teriam feito um cartel para fixar níveis de preços (spread cambial); coordenar compra e venda de moedas e propostas de preços para clientes; além de dificultar e/ou impedir a atuação de outros operadores no mercado de câmbio envolvendo a moeda brasileira”, afirmou o Cade em nota.

Segundo o conselho, as instituições financeiras trocavam informações por meio de chats da plataforma da agência de notícias Bloomberg. Procurada, a agência não se pronunciou.

Os acusados terão um prazo de 30 dias para apresentar defesa. O caso terá de ser julgado pelo tribunal do Cade, responsável pela decisão final.

A investigação teve início a partir de um acordo de leniência celebrado por um participante do cartel com a Superintendência-Geral do Cade e o Ministério Público Federal.

Nesse tipo de acordo, o participante aponta os demais envolvidos e se compromete a colaborar com a apuração em troca da extinção ou redução das punições previstas.

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *