Últimas

Cristina Kirchner é bem recebida por militantes de esquerda em Brasília

Brasília – Com faixas de apoio, músicas e bandeiras, um grupo de 35 militantes de esquerda aguardou a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, na entrada de seu hotel em Brasília, onde participa nesta sexta-feira, 17, da cúpula do Mercosul. Cristina foi a última chefe de Estado a chegar ao Palácio Itamaraty, para a reunião privada dos chefes dos Estados partes do Mercosul.

“La lucha sigue, Chávez vive (A luta segue, Chávez vive)” e “Malvinas argentinas, mar para a Bolívia”, bradavam os populares que esperavam Cristina na porta do Hotel Meliá, no centro de Brasília.

Entre os populares, a reportagem identificou argentinos, paraguaios, bolivianos e até brasileiros, que empunhavam bandeiras de seus países e do movimento LGBT. “A ideia não é dar um carinho personalista para a Cristina, e sim no sentido de integração da América Latina, um sentimento de irmandade para construir um caminho que nos foi negado a partir da colonização”, explicou o militante do PT Sérgio Eduardo, de 23 anos.

Ao sair do hotel para ir ao Itamaraty, Cristina apenas cumprimentou rapidamente os populares e entrou logo em seguida no carro oficial, sem falar com a imprensa.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *