Últimas

De Stieg Larsson, trilogia Millenium chega às livrarias com novas capas


08/07/2015

18h42


da Livraria da Folha

Aclamado como a maior revelação da literatura policial europeia recente, antes mesmo que a série Millennium fosse publicada, o sueco Stieg Larsson morreu antes de presenciar o sucesso mundial da trilogia. Embalada pelo lançamento do quarto livro da série, escrito pelo romancista e biógrafo David Lagercrantz, a coleção chega às livrarias com nova capa.

“Os Homens que Não Amavam as Mulheres” acontece na circunvizinhança de uma ilha. Em 1966, Harriet Vanger, jovem herdeira de um império industrial, some sem deixar vestígios. Desde então, a cada ano, Henrik Vanger, o velho patriarca do clã, recebe uma flor emoldurada – o mesmo presente que Harriet lhe dava, até desaparecer. Convencido de que ela foi assassinada, Henrik decide contratar o jornalista Mikael Blomkvist para conduzir uma investigação particular. Com o auxílio de Lisbeth Salander, uma hacker extremamente inteligente e peculiar, Blomkvist logo percebe que os segredos do clã são encobertos há anos e que nenhum dos membros da família parece querer vê-lo vivo por muito tempo.

Em “A Menina que Brincava com Fogo”, Lisbeth é acusada por triplo homicídio e desaparece, e Blomkvist está determinado a encontrá-la o quanto antes, pois mesmo uma jovem talentosa pode se deparar com inimigos ainda mais formidáveis.

“A Rainha do Castelo de Ar” mistura o universo muitas vezes corrupto do mercado financeiro à invasão de privacidade, trata da violência sexual contra as mulheres aos movimentos neofascistas e do abuso de poder. Na trama, Lisbeth Salander se recupera de ferimentos que quase lhe tiraram a vida, enquanto Mikael Blomkvist procura conduzir uma investigação paralela que prove a inocência de sua amiga, acusada de vários crimes.

A série, que vendeu mais de 80 milhões de livros em todo o mundo, foi adaptada duas vezes para o cinema. Enquanto a versão sueca, que traz Michael Nyqvist e Noomi Rapace no elenco, levou os três livros escritos por Stieg Larsson para as telas, a versão norte-americana, com Daniel Craig e Rooney Mara, só adaptou o primeiro volume.

Assista ao vídeo


+ Conteúdo

+ Ofertas



Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *