Últimas

Google investirá US$ 100 milhões em startup de segurança

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Nos últimos meses, a internet tornou-se um lugar perigoso para um monte de grandes cooperações e até mesmo alguns governos. Todos, desde Target, JC Penny, e até mesmo o governo federal dos EUA, veio sob o fogo dos ataques cibernéticos. À luz deste gigante da tecnologia, a Google parece estar fazendo tudo o que pode para não se juntar a essa lista agora infame.

Fontes próximas à startup de segurança da Internet, CrowdStrike, dizem que estão prestes a receber um enorme investimento de US$ 100 milhões da Google Capital, uma divisão diferente da própria Google. Não deve ser confundido com o Google Venture, que é a empresa de capital de risco da empresa. Este investimento excede de longe a maior contribuição já recebida pela CrowdStrike de US$ 56 milhões.

Sendo relativamente novo na cena não se sabe muito sobre a CrowdStrike, e qual o papel que eles vão desempenhar com a Google. O que sabemos é que a CrowdStrike foi formada em 2011 por dois ex-executivos da McAfee. O serviço que certamente atraiu Google é uma ferramenta focada em nuvem que pode ajudar os governos e as empresas a encontrar e parar os ataques cibernéticos, enquanto eles estão ocorrendo em tempo real.

CrowdStrike mostrou o potencial da sua ferramenta para usar este recurso em abril passado. A ferramenta de segurança permitiu com sucesso impedir um ataque a empresas norte-americanas por um grupo de hackers chineses conhecidos como “Hurricane Panda” que estavam tentando usar um buraco no software do Windows chamado “0-day”.

CrowdStrike disse que tem muitos clientes em toda a indústria de tecnologia e negócios, incluindo alguns na área de petróleo e gás. Ainda não foi especificado como a Google pretende usar a ferramenta ao seu favor, e como os responsáveis vão ser autorizados a manter os seus outros clientes. Google provavelmente não fará uma declaração sobre o seu grande investimento até a próxima semana, então agora toda a informação é proveniente de uma fonte interna ligada à CrowdStrike.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *