Últimas

Histórias levam vida de crianças da Amazônia a bibliotecas de São Paulo

Publicidade

Como quebrar castanhas e fazer tinta a partir do urucum? Um evento de contação de histórias levará os conhecimentos de crianças indígenas e quilombolas da região amazônica à bibliotecas de São Paulo neste mês.

As contadoras de histórias Juliana Offenbecker e Priscila Harder, da Cia. Conto em Cantos, vão brincar de misturar situações do dia a dia com instrumentos e objetos trazidos do Norte do país no evento, que é promovido pelo Projeto Tecendo Saberes.

Criado pela jornalista e escritora Marie Ange, o projeto incentiva a criação de novos métodos de aprendizado por crianças de comunidades na região Norte do Brasil. O objetivo é promover a valorização de culturas tradicionais brasileiras pelo olhar das crianças.

Além da contação de histórias, o evento terá um bate-papo com Marie Ange, com a ex-editora da “Folhinha” Gabriela Romeu e com a editora de obras infantojuvenis Dolores Prades sobre a construção dos livros “Manual das Crianças do Baixo Amazonas”, feito no Pará, e do “Manual das Crianças Huni Kui”, da Terra Indígena Kaxinawa do Rio Humaitá, no Acre.

O evento Tecendo Saberes das Crianças do Norte é gratuito e será realizado neste sábado (11), às 14h30, na Biblioteca Monteiro Lobato, no centro de São Paulo —e nos dias 21 e 25 de julho em outras regiões da cidade. Veja as datas abaixo.

TECENDO SABERES DAS CRIANÇAS DO NORTE

11 de julho na Biblioteca Monteiro Lobato (r. General Jardim, 485), das 14h30 às 16h30
21 de julho (terça) na Biblioteca Hans Christian Andersen (av. Celso Garcia, 4.142), às 10h
25 de julho (sábado) na Biblioteca Belmonte (r. Paulo Eiró, 525), às 11h. Uma exposição com fotos, desenhos, ilustrações e textos ficará em cartaz no local até 21 de agosto

QUANTO grátis

Fonte: Folha de São Paulo
www.folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *