Últimas

Talibã confirma morte de Omar e nomeia novo líder

quinta-feira, 30 de julho de 2015 – 11h00

Atualizado em
quinta-feira, 30 de julho de 2015 – 11h01

Ele teria morrido em abril de 2013, no Paquistão; conselho de dirigentes do Talibã elegeu como seu sucessor Akhtar Mohammad Mansour


Fontes ligadas ao Talibã confirmaram nesta quinta-feira a morte do fundador movimento, Mullah Omar. O conselho de dirigentes do Talibã elegeu como seu sucessor Akhtar Mohammad Mansour, de acordo com o jornal paquistanês “The Express Tribune”, que confirmou a indicação publicada pelo “The Wall Street Journal”. 

A morte de Omar foi anunciada ontem pelo governo afegão, mas não tinha sido confirmada pelo grupo islâmico. Ele teria morrido em abril de 2013, no Paquistão, de causas ainda desconhecidas.

Vários boatos sobre sua morte já tinham circulado na imprensa, mas nenhum recebera confirmação do Talibã, que continuou publicando vídeos e mensagens de Omar como líder.

Uma das últimas mensagens foi difundida em abril, por ocasião de seu 19º aniversário à frente do movimento.

Segundo o Talibã, Omar nasceu em 1960, em um vilarejo de Chah-i-Himmat. Ele guiou o Talibã na vitória contra milícias afegãs e na expulsão de tropas soviéticas após a guerra civil local. Omar foi presidente do Afeganistão entre 1996 e 2000, período em que acolheu militantes da Al-Qaeda, de Osama bin Laden.

Sua aliança com o grupo de Bin Laden provocou a intervenção norte-americana no país após os atentados de 11 de setembro de 2001, quando Omar fugiu para o Paquistão e nunca mais foi visto.

Fonte: Band.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *