Últimas
junqueiro

Delegado especial vai investigar mortes durante operação em Junqueiro

Coordenador da Delegacia de Homicídios, Ronilson Medeiros, vai apurar ação

 

O delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, designou o delegado Ronilson Medeiros para apurar a morte de três pessoas suspeitas de crimes ocorrido em Junqueiro no último dia 13. A portaria instaurando o inquérito policial foi publicada na edição desta segunda-feira (17) do Diário Oficial do Estado.

O inquérito a ser conduzido pelo coordenador da Delegacia de Homicídios, Ronilson Medeiros, visa apurar informações divulgadas sobre o fato. A polícia informou que a operação tinha como objetivo desarticular um grupo que era investigado por envolvimento em assaltos e sequestros. Na ação foram mortos Cristiano Martins, conhecido como Fazendeiro, Jadson Berto da Silva e o artista plástico Luciano Amorim.

A família de Amorim contestou as informações divulgadas pela polícia sobre a operação e afirma que Luciano foi morto por engano. “Mais de 20 policiais arrombaram o cadeado do sítio e depois foram até a residência do nosso caseiro, o renderam, apontaram uma arma e reviraram tudo. Isso sem mandado de busca e apreensão algum. Se ao menos houvesse uma investigação, eles teriam algo para comprovar”, disse ao CadaMinuto o irmão da vítima, Marcelo Amorim.

De acordo com Marcelo, as vítimas estavam dormindo num dos quartos do sítio. O artista plástico, que recebeu dois tiros – um na perna e outro no coração.

O delegado especial deverá concluir o inquérito no prazo legal, segundo informa a portaria.

 

Por Vanessa Siqueira

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *