Últimas

Grafite surpreende a todos, realiza pedido de fã e muda rotina de treino do Santa Cruz

Yuri de Lira/DP/D.A. Press
Torcedor tanto insistiu que conseguiu bater uma bola com o ídolo Grafite no Ademir Cunha

Saiba mais

Durante todo o treino do Santa Cruz, um torcedor do Santa Cruz pedia insistentemente nas arquibancadas do Ademir Cunha para Grafite disputar uma partida de embaixadinha com ele. Chamava o atacante a plenos pulmões, mas as palavras pareciam ser soltadas apenas ao vento. Eis que no fim das atividades desta quarta-feira, em Paulista, o atacante coral surpreendeu a todos. Ao invés de ir para os vestiários, dirigiu-se ao fã, chamou-o ao gramado e iniciou o desafio.

O torcedor era Waldomiro Soares de Melo, de 72 anos e morador de Paulista há 34. Segundo o próprio, “mais conhecido como Zé do Carmo no mundo todo” ou o “Rei da Embaixadinha Tricolor”. Com a torcida presente no estádio manifestada como se aquele duelo valesse realmente algo e com os jogadores corais também como plateia, ele acabou ganhando o desafio contra Grafite. De quebra, ficou com a bola após ter feito uma aposta com o ídolo.

Depois de ter recitado ainda uma poesia para o Santa Cruz e para Grafite, não escondeu a satisfação daquele momento histórico para ele. “Este encontro foi maravilhoso”, disse quando todos os jornalistas e repórteres o arrodeavam para entrevistá-lo como uma celebridade.

“Grafite tem um coração de ouro”, disse Waldomiro. “O que ele faz ninguém fez. Estava fora e voltou pro Santa Cruz. Isso é bonito, né?”, completou. Grafite tratou com bom-humor a situação inusitada no treino. “Se futebol fosse só embaixadinha, eu pegaria umas aulas aí com ele”, falou, aos risos.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *