Últimas

Apesar da má fase rubro-negra, jogadores mantêm a vaga no G4 como objetivo no Brasileirão

O Sport não vence há oito rodadas. Venceu apenas uma partida de suas últimas 12 na Série A do Campeonato Brasileiro. Com isso, caiu para a 10ª posição e está a quatro pontos do G4. Apesar do retrospecto recente negativo, André e Rithely garantem que o objetivo rubro-negro segue o mesmo. Ou seja, brigar por uma das vagas na Copa Libertadores. Para isso, porém, a equipe tem que voltar a vencer. E os atletas têm plena consciência de que conquistar os três pontos no domingo é essencial para aspirações do Leão.

“Desde que começou o foco principal é o G4. E continua sendo o G4. Lógico que os resultados não ajudaram. Deixamos alguns pontos para trás, o que não pode acontecer daqui pra frente”, disse André. “Quero chegar na Libertadores. O nosso time começou bem. Temos metas a ser cumpridas e uma delas é chegar ao G4”, complementou Rithely.

Apesar do incômodo jejum, o Sport apenas quatro pontos separam a equipe da zona de classificação para a Libertadores. Reflexo do equilíbrio da competição, como observa André. “O Campeonato Brasileiro é longo e os times que estavam embaixo já estão lá em cima, brigando pelo G4”, analisou. “Está tudo embolado, muito perto”, acrescentou Rithely.

Diante deste cenário tão competitivo, os rubro-negros não podem pensar em outro resultado que não seja a vitória. “O mais importante agora é voltar a vencer, conseguir uma sequência de duas, três vitórias, para brigar de novo lá em cima”, opina o atacante. “Se vencer, volta para perto do G4. Uma vitória vai nos deixar próximos do que estamos pretendo no campeonato. Um novo recomeço de Brasileiro. A vitoria contra o Santos vai ser importante”, encerrou o volante.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *