Últimas

"Bluetooth alternativo" usa o corpo humano para transmitir informações

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, desenvolveram um sistema de transmissão de dados sem fio que parece ser mais eficiente e seguro do que o Bluetooth. Usando o campo magnético natural do corpo, em vez do ar, a tecnologia envia sinais de dados e pode revolucionar o mercado de dispositivos vestíveis.

O sistema atua de um jeito bastante parecido com o de uma ressonância magnética, ou de um implante sem fio. A equiope estima que o caminho gerado com a técnica é 10 milhões de vezes menor do que o do Bluetooth, economizando bateria e tornando a tarefa mais rápido.

Reprodução

A novidade evita a chamada “perda de percurso” do Bluetooth, que acontece quando algum obstáculo, como um corpo humano, fica no meio do caminho do ar entre dois dispositivos. Usando o próprio corpo como meio de transmissão, não há esse tipo de problema.

“Um dos grandes problemas dos dispositivos portáteis, como relógios inteligentes é que eles funcionam por pouco tempo, já que são limitados a utilizar baterias pequenas. Com o sistema de comunicação usando o corpo humano como campo, esperamos reduzir significativamente o consumo de energia, bem como a frequência com que os usuários precisam para recarregar seus dispositivos”, afirma Jiwoong Park, autor do projeto.

A técnica também é mais segura do que o Bluetooth porque evita interceptações. Viajando através do corpo de uma pessoa, um intruso teria que ter contato físico direto para acessar as informações.

Via Engadget

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *