Últimas

Funcionários públicos e policiais presos por agiotagem e extorsão na Região Metropolitana

Seis funcionários públicos e quatro policiais foram presos, nesta quinta-feira, dentro da Operação Usura. Eles foram detidos sob suspeita de agiotagem, extorsão, porte ilegal de armas e munição, além de organização criminosa. A ação foi deflagrada em Olinda, Jaboatão, Igarassu e Paulista e cumpriu nove mandados de prisão temporária, oito mandados de busca e apreensão domiciliar, além de três flagrantes. Os detalhes sobre o caso serão divulgados na sede da Polícia Civil, no bairro da Boa Vista, nesta sexta, às 10h.

As investigações começaram em fevereiro passado, mas a polícia acredita que a quadrilha atuava há anos. Foram apreendidos cheques e documentos datados até de 1998. Todo o processo foi coordenado pelo delegado Ivaldo Pereira com o apoio do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil.

Esta é a 20ª edição da Operação de Repressão Qualificada Usura. Para a ação, foram mobilizados 86 policiais, incluindo delegados, agentes, escrivães e militares. Os suspeitos foram encaminhados para a sede do Grupo de Operações Especiais (GOE).

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *