Arrastão termina com suspeito morto por policial no Morumbi

Um suspeito foi morto a tiros por um policial civil durante um arrastão na Rua Doutor Flávio Américo Maurano, na região do Morumbi, na zona sul da capital paulista, na manhã desta quarta-feira, 28. Junto com comparsas, ele estaria de motocicleta abordando e assaltando veículos que paravam no semáforo com a Avenida Morumbi, antes de ser surpreendido pelo agente de segurança – uma de suas vítimas.

Por volta das 6 horas, a Polícia Militar recebeu um chamado avisando sobre uma série de ataques a carros no local. Cerca de dez minutos depois, o corpo de um dos assaltantes já estava caído sobre a via.

“Quatro motos pararam, com duas pessoas em cada uma. Eles sacaram a arma e fizeram um arrastão no semáforo. Em seguida, começou um tiroteio e eu me abaixei no carro”, afirma uma das vítimas, que preferiu não se identificar. Ele teve o relógio, a aliança e a carteira roubados.

Segundo testemunhas, os ladrões agiram em grupo e todos de uma vez. “Eles devem ter roubado no mínimo quatro veículos”, diz uma vítima. “Não houve pânico, todo mundo cedeu e entregou o que pediram”, afirma.

Em um dos carros parados estaria um investigador do Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Civil. Ao ser abordado pelos ladrões, o policial reagiu e disparou contra os assaltantes. Um suspeito foi alvejado e morreu no local. Os demais conseguiram fugir, levando os pertences das vítimas.

A área precisou ser isolada para realização da perícia, e o corpo foi coberto por um lençol. Os peritos foram até o local pela manhã para examinar o cadáver. A Polícia Civil acredita que o suspeito possa estar envolvido em outros assaltos na região.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *