Últimas

Cade autoriza compra sem restrições da Saraiva pela Somos Educação

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje, sem restrições, a compra de conteúdo para educação da editora Saraiva pela Somos Educação, atual denominação da Abril Educação. Segundo uma reportagem veiculada no portal G1, o parecer do Cade informou que a operação está estruturada pela aquisição por meio da Editora Ática, subsidiária da Somos Educação, de todas as cotas da Saraiva Educação detidas pela Saraiva e Siciliano.

A transação entre as empresas foi de R$ 725 milhões, anunciada em junho, será financiada por caixa próprio da Somos Educação assim como por empréstimos, após absorver dívida de cerca de R$ 250 milhões da Saraiva Educação, valor a ser confirmado no fechamento da operação.

Segundo a matéria publicada no G1, a Somos Educação é controlada indiretamente pela gestora de recursos Tarpon e possui, junto com suas subsidiárias, atividades dedicadas à educação básica, ao ensino de idiomas e à formação ao mercado de trabalho. Já a Saraiva edita e comercializa o conteúdo voltado à educação. O grupo também tem atividades de comércio varejista, incluindo o comércio eletrônico (e-commerce), de produtos ligados à cultura, entretenimento e lazer, que não serão adquiridas pela Somos Educação.

No parecer, o Cade informou que “a operação permitirá a entrada da Somos Educação no segmento de conteúdo voltado para a educação superior, no qual a Saraiva tem presença”. O documento completa ressaltando que as empresas entendem que a integração poderá criar eventual oportunidade de exploração de sistema de ensino superior. O órgão identificou que a operação poderá resultar em integrações verticais nas atividades de sistemas de ensino, livros didáticos cursos de idiomas e edição de livros, gráfica, entre outros. No entanto, concluiu que a operação não gera preocupações concorrenciais relevantes para o mercado.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *