Últimas

China construirá maior acelerador de partículas do mundo até 2025

A China pretende construir o maior acelerador de partículas do mundo entre os anos de 2020 e 2025 com o objetivo de permitir que os cientístas conheçam melhor o funcionamento do Universo. Wang Yifang, diretor do Instituto de Física e Altas Energias da Academia de Ciências da China afirmou ao China Daily que a sua concepção deverá estar finalizada antes mesmo de 2016.

Se o projeto der certo, ele deverá ter o dobro do tamanho do Grande Colisor de Hadróns (LHC) do Laboratório Europeu de Física de Partículas (CERN), que fica localizado na fronteira da França com a Suíça. O LHC, que possui 27km de circunferência, permitiu a confirmação da existência do Bóson de Higgs (particula elementar que é considerada chave para explicar a origem da massa das outras partículas elementares), em 2012.

Yifang explica que uma das diferenças entre o LHC e o futuro colisor chinês é que “o LHC gera Bósons de Higgs junto a inúmeras outras partículas, mas no futuro colisor chinês o ambiente criado será extremamente puro, que produzirá apenas Bósons de Higgs”.

Ele também afirma que o lugar em que o acelerador de partículas estará localizado pode gerar até sete vezes mais energia que o CERN, o que fará com que a potência dele seja até duas vezes maior que a do LHC.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *