Comissão Europeia confirma que o Spotify está ajudando a combater a pirataria

Um estudo realizado por organismos oficiais da União Europeia confirmou aquilo que o Spotify afirma desde o seu lançamento: o serviço de streaming de músicas ajuda a diminuir a pirataria.

O Centro de Pesquisas Comuns da Comissão Europeia comparou o efeito do Spotify sobre 8 mil artistas pirateados por sites de torrent. Eles descobriram que a cada 47 transmissões legais um download ilegal desaparece.

Como destaca o TorrentFreak, isso não significa necessariamente que a indústria musical esteja ganhando mais dinheiro graças ao Spotify. Na verdade, parte do estudo revela que o serviço tem um efeito neutro no mercado.

Isso porque, além de reduzir a pirataria, o Spotify também reduz a quantidade de downloads legais em serviços como iTunes. A cada 137 transmissões, um download legal desaparece. Como a relação é bem diferente se comparada com a da pirataria, o Spotify não tem impacto negativo.

“Dada a receita atual da indústria por venda de faixa (US$ 0,82) e a média de pagamento recebido por streaming (US$ 0,007), nossas estimativas de deslocamentos de vendas mostram que as perdas (…) são mais ou menos compensadas pelos ganhos em receita com streaming”, escreveram os pesquisadores.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *