Últimas

Consumo de eletricidade no Brasil no 3º trimestre recua 2,7% ante 2014

O consumo de energia elétrica no País recuou 2,7% no terceiro trimestre, em comparação com o mesmo período do último ano. Os dados foram divulgados hojeno balanço da Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Nas residências, o consumo médio é o pior em dez anos – houve queda de 1,9% na intensidade média do consumo doméstico.No trimestre, o consumo residencial caiu 2,7% , em comparação com o terceiro trimestre de 2014. Na comparação mensal de setembro, o recuo foi de 1,7%, o pior do ano, impactado pela menor demanda no Sul e Sudeste.

“O agravamento das condições de emprego e renda e o crédito mais restrito, conjugados ao reajuste elevado das tarifas de energia elétrica, têm contribuído para o recuo do consumo de energia”, informa o boletim da EPE.

A indústria foi o segmento que teve a maior queda trimestral, de 5,3% em relação a 2014. Na variação mensal, em setembro, o consumo no País recuou 3,1%. De acordo com a EPE, a queda no consumo industrial de energia chegou a 6,3% em setembro, na comparação com o mesmo de 2014 – a maior queda registrada neste ano.

Principal segmento consumidor de energia, a siderurgia registrou queda de 11,7% na demanda por energia elétrica. Porém, a maior retração foi identificada no segmento de indústria automotiva, com queda de 14,2%. Ao todo, o consumo industrial atingiu um total de 14.025 GWh, ante um consumo total no País de 37.701 GWh.

O resultado é reflexo do “fraco desempenho generalizado, sem sinais de melhorias

sustentadas no curto prazo” da indústria, segundo a EPE. “O cenário recessivo com altas taxas de juros, custos elevados e mercado interno enfraquecido ajuda a explicar esse quadro”, informa a resenha mensal divulgada pela Empresa.

“O cenário adverso se manteve para a maior parte dos segmentos industriais, denotado pelo fato que, dentre os dez que mais demandam energia elétrica, apenas o de extração de minerais metálicos evidenciou progresso no mês, de 8,9%”, completa o relatório da EPE.

Também houve queda no consumo de energia no segmento comercial tanto na comparação mensal quanto na comparação trimestral. No segmento comercial, a queda foi de 0,8% em setembro, ante o mesmo mês de 2014. No trimestre, a queda foi de 0,1%.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *