Últimas

Eurocâmara concede prêmio Sakharov a blogueiro saudita

França (AFP) – O Parlamento Europeu concedeu nesta quinta-feira o Prêmio Sakharov para liberdade de expressão ao blogueiro saudita Raif Badawi, condenado em seu país a mil chibatadas por “insultar o Islã”.

Raif Badawi, blogueiro de 31 anos e dono do site liberal Saudi Network, foi preso em 2013 e condenado no final do ano passado a 10 anos de prisão e 50 chicotadas por semana durante vinte semanas por “insultar o Islã”.

“Quero agradecer ao Parlamento o apoio a esta decisão”, afirmou seu presidente, Martin Schulz, no plenário, onde denunciou a sentença contra o blogueiro.

“O prêmio Sakharov 2015 vai para @raif_badawi em reconhecimento por seu papel; também é uma mensagem forte ao regime saudita”, escreveu o Partido Verde no Twitter.

Em uma primeira reação à notícia, a esposa de Badawi declarou que o Prêmio Sakharov para seu marido é “uma mensagem de esperança”.

“Quero agradecer ao Parlamento Europeu. Estou muito feliz com este prêmio”, afirmou Ensaf Haidar à AFP, ao agradecer o prêmio dado a seu marido.

O saudita recebeu uma primeira sessão de chicotadas em 9 de janeiro. Os castigos seguintes foram adiados por razões de saúde, primeiro, e depois por motivos não especificados.

Segundo Ensaf Haider, refugiada no Canadá, seu marido poderá ser submetido a novas chibatadas nos próximos dias.

Citando uma fonte de confiança, Haidar afirmou na terça-feira que “as autoridades sauditas deram seu aval para que o castigo contra Badawi seja retomado”.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *