Últimas

Exigindo força e dinamismo, crossfit tem público crescente em Maceió

Modalidade se popularizou entre os famosos e, além das academias, praticantes vão às ruas fazer os exercícios de alta intensidade para condicionamento físico

 

A procura por academias aumenta com a chegada do verão. E para quem não gosta dos exercícios tradicionais de musculação, por exemplo, as opções de atividades físicas ficaram mais amplas, e continuam aparecendo novas práticas que atraem àqueles que querem apenas definir o corpo ou manter de vez uma vida saudável. Recentemente, o crossfit passou a ser bastante procurado, e essa pode ser considerada a modalidade da estação.

Mesclando diversos exercícios de alta intensidade, com sequências de levantamento de peso, corridas, equilíbrios e saltos, o crossfit é utilizado na SWAT e também com membros de operações especiais do exército norte-americano. O treinamento de condicionamento físico parece puxado, para testar os limites do aluno, mas a dinâmica pode ser aplicada para qualquer público, inclusive idosos. Uma única academia em Maceió é dedicada exclusivamente à atividade, desde junho de 2014, e a popularização na cidade fez com que uma nova unidade fosse necessária para atender a todos. Atualmente, são dois professores certificados e cinco em processo de capacitação, para comandar treinos para 110 alunos, e a nova box (como é chamado o espaço para a prática do crossfit) será inaugurada em novembro.

Crossfit (Foto: Antonio Farias)Exercícios de força e resistência testam os alunos (Foto: Antonio Farias)

Proprietário da CrossFit MCZ e coach na academia, João Paulo dos Santos explicou um pouco do começo do negócio em Maceió e disse que a procura se deve muito aos famosos que têm praticado os exercícios.

– Nosso método abrange os esportes de pesos livres e ginásticos (levantamento de pesos olímpicos, powerlift, strongman, kettlebell, corrida, tudo que não envolva máquinas). E digamos que o principal fator para essa popularização seria a mídia. Os famosos que aderiram à modalidade compartilharam do estilo de vida crossfit. Temos o mesmo espírito desafiador em todas as boxs do mundo. O segundo fator é o “chavão” de que nosso treino não tem monotonia. Isso atrai as pessoas que não se enquadram no modelo tradicional de atividade física nas salas de musculação. O negócio estava crescendo, porque é crescente no mundo inteiro. Ainda é muito novo, só tem 30 anos que existe; no Brasil, só chegou em 2009. E aqui em Alagoas não seria diferente. Demorou um pouco para chegar, mas a gente veio forte com essa proposta – explicou.

Quando não estão nas boxs, treinadores e alunos ganham as ruas e usam materiais alternativos, como pneus, pedras e academias ao ar livre. O conceito deixou Duda Bertho curioso. Praticante ativo de esportes como surfe e skate, o aluno disse que acabou atrelando todas as modalidades, já que o crossfit o deixa preparado para ter um melhor rendimento em tudo.

– Acho muito difícil manter uma rotina de academia tradicional, pois considero monótona. O legal do crossfit é que ele quebra essa monotonia com exercícios diferentes todos os dias, e consequentemente, por ser puxado, te deixa condicionado fisicamente para praticamente qualquer coisa, e isso me auxilia bastante nos esportes que pratico.

Crossfit (Foto: Antonio Farias)A dinâmica de sair da academia e treinar ao ar livre é um dos atrativos do crossfit (Foto: Antonio Farias)

Os benefícios do crossfit vão desde resistência física e força até equilíbrio e flexibilidade. Além disso, os resultados podem aparecer rápido, pela intensidade dos exercícios. Mas o começo é mais leve. João Paulo explicou que a média de tempo para o aluno se acostumar é de três meses, e as aulas começam com duração de 30 minutos, para depois aumentar o tempo para uma hora. Duda ainda está no início e disse que já suou muito a camisa, mas que também viu as evoluções trazidas.

– Estou me acostumando ainda, mas quero continuar porque o desafio me motiva, a cada aula é possível ver uma evolução. Perdi dois quilos de gordura e ganhei meio quilo de massa magra, isso em 15 dias, com um pouquinho de dieta e crossfit. Quem sabe eu não consiga uma capa de revista em alguns meses? (risos).

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *