Últimas

‘Leitura na Praça’ atrai centenas de pessoas em São Miguel dos Campos

‘Incentivar a leitura por prazer e não como uma obrigação’, essa é a principal proposta do projeto Leitura na Praça que ocorreu mais uma vez em São Miguel dos Campos

 

Realizado pelo quarto ano consecutivo – Leitura na Praça – Ano IV-, teve como tema: Lugar Onde Vivo: Viagens e Descobertas, na Praça Padre Júlio de Albuquerque (Praça da Matriz) – atraiu centenas de pessoas nesta quinta-feira (29). O prefeito George Clemente e o presidente da Câmara Legislativa, vereador Jó Clemente, compareceram ao evento.
Idealizado em 2012, através da Secretaria Municipal de Educação o projeto vem crescendo a cada ano e também é uma exposição do trabalho desenvolvido durante todo o ano nas escolas do município. As 21 escolas da rede pública mostraram seus trabalhos a todos que circularam pela praça e aos convidados, como os alunos da rede privada.

Segundo a secretária adjunta de Educação, Alexsandra Rodrigues, o projeto surgiu como uma ação afirmativa, objetivando o incentivo à leitura através de uma diversidade de estratégias e metodologias, “estimulando o hábito de ler por prazer”, completou a secretária adjunta, destacando também o fato do público alvo ser os educandos, mas de estar cada vez mais abrangente e alcançando novos públicos.

A professora Maria do Socorro Coelho, idealizadora do projeto, falou sobre sua importância e frisou o incentivo como um ponto positivo: “Estamos incentivando e valorizando a leitura. Nosso objetivo é formar cidadãos críticos e leitores, capazes de melhorar o mundo”, enfatizou.
Uma das novidades dessa edição foi a participação das “mães leitoras” que leram várias histórias com seus filhos. Esse projeto já existe nas escolas desde 2014, mas esse foi o primeiro ano que o grupo de mães participou do evento. Outra novidade foi a participação dos alunos autores, do Projeto “Primeiro Livro”, que lançarão seus livros no dia 02 de dezembro.
Para concluir, a secretária municipal de Educação, Maria do Amparo Farias, avaliou a edição e mostrou ânimo para muitas outras edições. “Ao término, ficamos todos cansados, mas o retorno e o sentimento de dever cumprido são muito maiores e nos fazem bem”, concluiu a secretária.

O evento aconteceu durante todo o dia e contou com roda de leitura, recitais, dramatizações, rede de leitura, varal da leitura, caldeirão da leitura, apresentações culturais, e com a apresentação da Banda Maestro Braulio Pimentel.

 

Por Assessoria

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *