Últimas

Muro de condomínio desaba sobre 9 carros durante chuva em Ribeirão

Enxurrada alagou área de lazer, mas não houve feridos, diz Defesa Civil. Ciiagro registrou maior índice pluviométrico do mês na cidade: 16,3 mm

 

Nove carros ficaram danificados após a queda do muro de um condomínio durante uma forte chuva que atingiu Ribeirão Preto (SP) na noite dessa terça-feira (27). Moradores contaram que a força da enxurrada fez a parede ceder, caindo sobre o estacionamento de um conjunto de prédios vizinhos. Ninguém se feriu.

Segundo o Centro Integrado de Informações Agrometeorológicas de São Paulo (Ciiagro), entre a manhã de terça-feira e a manhã de quarta-feira (28) foram registrados 16,3 milímetros de chuva na cidade, o maior índice nos últimos 30 dias.

A síndica do condomínio atingido pelo muro, Maria Tomazini, explica que o problema é antigo: os prédios ficam abaixo do nível da Avenida Leão XIII, no bairro Iguatemi, e isso favorece a entrada da enxurrada. Na área de lazer, a água atingiu meio metro de altura e a piscina ficou cheia de terra.

Queda de muro danificou nove veículos estacionados em condomínio no Iguatemi (Foto: Paulo Souza/EPTV)
Queda de muro danificou nove veículos estacionados em condomínio no Iguatemi (Foto: Paulo Souza/EPTV)

Maria conta que durante uma tempestade em 2014, outro muro também cedeu sobre o estacionamento. “Enche de água, parece um rio, parece um piscinão. A gente começa a correr, começa a socorrer o que dá para socorrer. Da última vez, o seguro não cobriu o prejuízo”, afirma.

A queda do muro assustou moradores, apesar de ninguém ter ficado ferido. A secretária Maria José Facossa mora no primeiro andar de um dos edifícios e viu a parede desmoronar. Ela afirma que a água invade até os apartamentos no térreo durante as tempestades. “A gente sempre fica esperando para ajudar o pessoal”, diz.

Água da piscina ficou suja após chuva invadir condomínio em Ribeirão Preto, SP (Foto: Paulo Souza/EPTV)
Piscina ficou cheia de terra após enxurrada invadir condomínio em Ribeirão Preto (Foto: Paulo Souza/EPTV)

Alagamentos
A Defesa Civil informou que o córrego Retiro Saudoso transbordou, provocando pontos de alagamento na Avenida Francisco Junqueira. Equipes trabalham no local para retirar o lixo e a terra deixados pela enxurrada.

No bairro Vila Elisa, na zona Norte da cidade, três casas foram invadidas pela água. “Tive que colocar todos os móveis para cima, para não perder as coisas. A água subiu muito rápido e olha que nem estava muita chuva”, afirmou a dona de casa Adélia Silva Cunha.

Apesar dos estragos, a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros informaram que não houve registro de desabrigados ou feridos.

 

G1

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *