Últimas

Obra da Compesa deixa 12 cidades do Agreste sem água

Foto: Compesa/Divulgação
Foto: Compesa/Divulgação

Moradores de 12 cidades do Agreste de Pernambuco precisarão ser abastecidas por carros-pipa durante 15 dias, enquanto a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) instala um sistema emergencial para captar do volume morto da barragem de Jucazinho. O equipamento, composto de uma bomba submersa, poderá aproveitar a água, que está acumulada em 2,56% da capacidade total da represa.

A previsão é de que a instalação esteja completa em 15 dias, a partir deste sábado. Após este período, as 12 cidades atendidas por Jucazinho voltarão a receber água segundo o rodízio vigente. O uso do volume morto vai permitir que a retirada de água seja mantida por mais quatro ou cinco meses. As cidades afetadas são Cumaru, Passira, Riacho das Almas, Santa Cruz do Capibaribe, Salgadinho, Surubim, Casinhas, Santa Maria do Cambucá, Vertente do Lério, Frei Miguelinho, Vertentes e Toritama, além do distrito de Ameixas.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *