Requalificação Urbanística do Largo de São Gonçalo avança com a desapropriação de imóveis

Devido ao longo período de chuvas, o projeto de Requalificação Urbanística do Largo de São Gonçalo sofreu alteração no cronograma. Ainda assim, os trabalhos seguem em ritmo acelerado para cumprir a nova data de entrega da obra, que deve acontecer entre o final de fevereiro, com o início de março.

Seguindo mais uma importante etapa do projeto, nesta quinta-feira (29), foram demolidos dois imóveis localizados na Travessa Joaquim Nabuco, Centro da cidade. A inciativa busca desafogar, dar fluidez ao trânsito na região, antes deficitário pelo estreitamento da via, que suporta apenas um veículo por vez.

O chefe do Executivo de Penedo, Marcius Beltrão, na companhia do vice-prefeito Ronaldo Lopes e dos secretários de Governo e Infraestrutura, respectivamente Bili Marques e Valmir Lessa, acompanhou os trabalhos de demolição.

“Estamos cumprindo a contrapartida do Município, com a desapropriação de imóveis nas áreas dos projetos do PAC das Cidades Históricas. O valor investido ultrapassa R$ 1,5 milhões. Com a desapropriação, mediante indenização, vamos conseguir melhorar o trânsito, proporcionar fluidez com qualidade e mais segurança aos pedestres, que precisam disputar o pequeno espaço com automóveis, motocicletas e caminhões. Neste momento, mostramos mais uma vez o comprometimento e a seriedade do nosso trabalho”, reafirmou Marcius Beltrão.

No projeto de Requalificação Urbanística do Largo de São Gonçalo, a Floriano Peixoto sentido São Miguel, com a Travessa Joaquim Nabuco, será transformada em mão única, sentido Duque de Caxias. No sentido da via, todo o lado esquerdo será desapropriado, para demolir e torná-la maior.

As demolições desta quinta (29) contemplaram um imóvel inacabado, apenas com algumas paredes erguidas e sem telhado. E ainda, uma residência que em acordo amigável com o Município, o proprietário recebeu o valor de mercado pelo seu bem.

 

Por Secom

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *