Últimas

Roupa captura movimentos do corpo e os leva para a realidade virtual

Uma das grandes apostas do mercado de tecnologia para os próximos anos é a realidade virtual. Aos poucos, diversas empresas começam a apresentar seus acessórios e mostrar seu potencial. Até agora, no entanto, poucas companhias se interessaram em fornecer uma maneira de controlar e visualizar o corpo inteiro através dos óculos de realidade virtual.

Pensando nisso, uma equipe de desenvolvedores dinamarqueses criou o Salto, uma roupa especial, feita com uma série de sensores, que traduz os movimentos do corpo inteiro do usuário para o dispositivo .

O acessório é mais barato do que os principais dispositivo de captura de movimentos disponíveis no mercado atualmente, custando US$ 700. São 19 sensores e componentes bastante conhecidos nos smartphones, como um acelerômetro, um giroscópio e um magnetômetro. Uma vez que se conecta ao software, via cabo ou Wi-Fi, a vestimenta começa a rastrear os movimentos do usuário.

Reprodução

A ideia, que começou como um projeto no site de financiamento coletivo KickStarter, já reuniu US$ 115 mil e deve chegar aos compradores em abril de 2016. As versões disponíveis custam entre US$ 700 (com 19 sensores) e US$ 2,9 mil (com 132 sensores).

Aplicações
Além da utilização em jogos, o Salto pode ajudar na produção de filmes, em análises médicas e até nas salas de aula.

Confira como funciona o Salto: 

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *