Últimas

Sigilo da Apple pode prejudicar Inteligência Artificial, dizem especialistas

Enquanto muitas empresas de tecnologia trabalham para desenvolver sistemas capazes de superar a inteligência dos seres humanos, divulgando seus resultados e trabalhando em conjunto, a Apple parece querer manter segredo sobre suas pesquisas na área. “A Apple está fora da escala em termos de sigilo”, explica Richard Zemel, professor no departamento de ciência da computação na Universidade de Toronto, no Canadá.

De acordo o professor, o mistério é tanto que, quando contratados, os profissionais são aconselhados a não anunciar os novos empregos em redes sociais como o LinkedIn e o Twitter. Taylor conta ainda que é comum que uma equipe da Apple não saiba o que a outra está fazendo, para evitar possíveis vazamentos. Fontes internas afirmam até que, ao sair de suas salas, os profissionais têm que trancar as portas.

As medidas, pensadas para manter a segurança do projeto, podem acabar prejudicando a companhia.”Eu acredito que se eles não mudarem de atitude, eles vão ficar para trás”, declara Yoshua Bengio, professor de ciência da computação da Universidade de Toronto.

Vagas 

Mesmo em segredo, parece que a empresa está investindo pesado na área. Atualmente há 42 vagas em aberto que mencionam inteligência artificial e 120 que incluem as palavras “aprendizado de máquina”.

Especialistas apostam que em breve a Apple pode publicar estudos sobre o tema e dar pistas sobre o que está fazendo, mas ainda não há nenhuma evidência.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *