Últimas

Tricolores lamentam empate fora, mas miram recuperação contra o Criciúma e retorno ao G4

 CARLOS COSTA/FUTURA PRESS

O empate sem gols em Goiânia fez o Tricolor ficar ainda mais distante do G4

Saiba mais

Os atletas do Santa Cruz não conseguiram esconder um quê de frustração ao fim do jogo contra o Atlético-GO. O empate sem gols em Goiânia fez o Tricolor ficar ainda mais distante do G4 – agora a cinco pontos do Bahia, equipe que abre o grupo de acesso. Embora tenham deixado o campo lamentando bastante as oportunidades desperdiçadas neste sábado, os corais já miraram também a recuperação no jogo contra o Criciúma, na próxima terça-feira, no Arruda.

“A vitória hoje seria fundamental para gente na próxima rodada fazer belo jogo em casa e entrar G4, de novo. Infelizmente a gente vai ter que trabalhar um pouco mais para voltar para lá. Na minha avaliação a nossa equipe foi superior ao Atlético, teve mais oportunidade, mas futebol as vezes nem tudo acontece como a gente quer”, lamentou o goleiro Tiago Cardoso.

Após um primeiro tempo monótono, o Santa Cruz cresceu de produção na etapa final. Falhou sobretudo no último passe. O atacante Lelê foi mais um a ter dar um tom de que o resultado poderia ter sido melhor para os corais. “A gente praticamente dominou o jogo inteiro, mas infelizmente o gol não saiu. Estamos na briga, faltam seis rodadas e temos confrontos diretos pela frente. É procurar voltar a vencer nossos jogos para brigar”, disse, em entrevista à Rádio Jornal.

“Faltou um pouquinho de calma no passe. Temos um bom time, que é competitivo e que vai brigar até o fim pelo acesso. Ainda temos chance de entrar no G4 e queremos voltar para ele o quanto antes”, complementou o atacante Luizinho.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *