10 dispositivos que o smartphone aposentou

A sofisticação e popularização dos smartphones, além de democratizar o acesso à internet e às redes sociais, aposentou uma série de objetos e dispositivos que as pessoas costumavam utilizar. Em um só aparelho, hoje em dia é possível reunir uma série de tarefas. Confira abaixo 10 coisas que o smartphone aposentou:

1. Lanterna
Reprodução
O que fazer quando precisar encontrar algo em um ambiente escuro? Há alguns anos, a resposta seria “carregar uma lanterna”. Pesadas e exigindo pilhas ou baterias, elas foram substituídas por aplicativos, dos simples aos mais complexos, que realizam o trabalho com a mesma eficiência.

2. Relógios, cronômetros e despertadores
Reprodução
A maior parte das pessoas consulta o smartphone na hora de acordar, para cronometrar atividades e até para saber o horário ao longo do dia. A dependência é tanta que, recentemente, uma falha no iOS 9 fez muita gente se atrasar para o trabalho.

3. Mapas e dispositivos GPS
Reprodução

Para chegar a um lugar desconhecido há 15 anos, as pessoas usavam mapas de papel, que foram substituídos por dispositivos de GPS que ficavam acoplados ao carro, por exemplo. Apps como o Google Maps e o Waze agora realizam o mesmo trabalho, ao mesmo tempo em que o smartphone informa as curtidas que uma foto obteve no Instagram.
4. Cheques

Reprodução
Apps de pagamento já permitem substituir idas ao banco por alguns cliques no celular, mas quem ainda precisa lidar com os cheques de papel pode simplesmente escanear o documento e ver a quantia aparecer na conta, sem demoras, sem filas e sem complicações.

5. Gravadores de áudio
Reprodução
A gravação profissional ainda pode exigir microfones externos, mas quem gosta de manter cópias de boa qualidade pode usar as notas de voz do smartphone para cumprir a tarefa com sucesso.

6. Espelho
Reprodução

Quer verificar seu reflexo? A câmera frontal pode fazer um bom trabalho. Se preferir, basta bloquear a tela do smartphone e observar no vidro o que deseja.
7. Ingressos de papel

Reprodução
Um número cada vez maior de estabelecimentos tem aceitado os ingressos eletrônicos. A medida evita o desperdício de papel e contribui para a diminuição nos riscos de fraudes com ingressos falsos.

8. Câmeras fotográficas e de vídeo
Reprodução

A qualidade das câmeras dos smartphones mais recentes se iguala aos dispositivos profisisionais existentes, com a vantagem de que os celulares são mais leves e podem realizar outras tarefas.
9. iPods, CDs e rádios

Reprodução
Os serviços de streaming, como o Spotify e o Deezer, aposentaram os iPods, que já haviam aposentado os CDs e os rádios. Com as músicas armazenadas na nuvem, fica cada vez menos comum carregar uma espécie de HD portátil. Quem sente saudades das rádios pode usar apps como Pandora para sintonizar diversas estações.

10. Ligações e mensagens de texto

Reprodução
Com diversas opções de aplicativos de mensagens, os serviços de mensagens de texto, os famosos SMSs, foram aposentados. Com o tempo, está se tornando incomum também realizar ligações comuns, já que é possível realizá-las usando apenas os dados.

Via BusinessInsider

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *