Últimas

Advogado pede soltura de casal que gerenciava Mega Filmes HD

O advogado Thiago Bellucci pediu ontem a revogação da prisão temporária do casal responsável pelo site Mega Filmes HD. O casal foi preso ontem em Cerquilho, no interior do estado de São Paulo, pela operação Barba Negra da Polícia Federal. O site também já saiu do ar.

O advogado informou também que pretende entrar com pedido de habeas corpus em defesa do casal ainda hoje caso a Justiça não acate o requerimento. A 1ª Vara da Justiça Federal da Comarca de Sorocaba (SP) tem até as 19h de hoje para decidir sobre a revogação.

Ainda segundo Bellucci, o casal admitiu gerenciar um negocio semelhante no Japão, onde morou por nove anos. O advogado confirmou também que a mulher do casal já trabalhou para a prefeitura de Cerquilho, mas que atualmente era funcionária da Vigilância Sanitária.

Disputa

O pedido de revogação da prisão feito pelo advogado não é única medida em favor da soltura do casal. O Partido Pirata criou uma petição com esse mesmo objetivo, a ser entregue à PF, à Justiça e à Presidência da República. Até o momento da redação desta nota, a petição já contava com mais de 13 mil assinaturas.

A indústria do cinema, por outro lado, comemorou a prisão do casal e a queda do site. Em entrevista excluisva concedida ao Olhar Digital, Ygor Vallerio, vice-presidente da divisão latinoamericana da Motion Pictures Association (MPA, órgão que defende os interesses dos seis principais estúdios de cinema do mundo) admitiu que sites como o Mega Filmes HD prejudicam seu negócio, e defendeu a adoção de penas mais rígidas contra pessoas que gravam filmes no cinema e os postam na internet.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *