Últimas

Depois de dois anos, Nei Pandolfo deixa o Sport

Nando Chiappetta/DP/ D. A Press

Nei contribuiu com a formação do elenco que conquistou o Estadual e o Nordestão em 2014

Foram quase dois anos de trabalho. Neste sábado, a passagem do executivo de futebol Nei Pandolfo no Sport chegou ao fim. A sua saída foi comunicada através do site oficial do clube rubro-negro. Responsável pela formulação dos elencos das temporadas 2014 e 2015 – junto com o restante do departamento de futebol -, Nei, provavelmente, deve exercer a função em outro clube em 2016.

A nota divulgada pelo clube não deixa claro de quem foi a iniciativa do desligamento. Se partiu do clube ou do profissional. O Superesportes tentou entrar em contato com o próprio Nei Paldolfo e com o vice-presidente de futebol do Sport, Arnaldo Barros. Nenhum deles, no entanto, atendeu às ligações.

Nei chegou ao Sport em dezembro de 2013, após o time conseguir o acesso à Série B, com Geninho. Ao chegar, expôs o desafio que tinha pela frente. “Todo planejamento requer uma espinha dorsal, que tem goleiro, zagueiro, meia e atacante. Na prática, nunca se sabe o que vai acontecer, mas a ideia é formar uma equipe muito competitiva, de qualidade técnica. Esse é ocenário que idealizamos. De preferência, queremos ter atletas mais jovens no elenco, que tenham uma longevidade maior dentro do Sport”, explicou em sua chegada.

Nesse sentido, contribuiu para que Leão conseguisse a sonhada junção entre experiência e juventude. O Sport contratou atletas de peso nesse período, como Diego Souza, Ibson, André; e projetou jovens talentos no cenário nacional, como Rithely, Renê e Joelinton – este último vendido ao Hoffenheim, neste ano.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *